A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

12/12/2013 11:07

Categorias fazem protesto na Câmara e vereadores pedem suspensão de votação

Graziela Rezende e Kleber Clajus

Com guardas municipais e professores em protesto na manhã desta quinta-feira (12), na Câmara Municipal de Campo Grande, alguns vereadores decidiram solicitar a suspensão da votação LOA (Lei Orçamentária Anual) do Plano Plurianual, até que o prefeito da Capital, Alcides Bernal (PP), tenha uma posição para as duas categorias.

“Enquanto não resolver o problema, dos professores e da guarda municipal, solicitei para que não haja votação. E aguardamos ainda uma posição do prefeito aos concursados”, afirma a vereadora Carla Stephanini (PMDB). Ela ressalta que a nomeação dos 281 professores vence no dia 25 de janeiro e dos guardas municipais no sábado (14).

Além dela, o vereador Elizeu Dionísio (PSL) também apoio a suspensão da votação. Os parlamentares dizem que aguardavam, na semana passada, a presença do secretário de administração Ricardo Balock, para falar do assunto. No entanto, apenas o secretário de educação, José Chadid, compareceu ao local.

Atestados médicos - “Parece que a prática no Executivo agora é recorrer aos atestados para não comparecer a Câmara. Neste caso, eles precisam esclarecer o porque contratam temporários e não concursados. Existem casos inclusive de contratados que fazem parte dos aprovados”, garante a vereadora.

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...


Não se deve desistir de um direito adquirido.Professores lutem por seus direitos
 
Alice Rocha em 12/12/2013 19:54:14
QUEM NÃO DEVE NÃO TEME ,ENTÃO PORQUE SE ESCONDER ATRÁS DE ATESTADO.
 
Alice Rocha em 12/12/2013 19:39:53
Isso é uma vergonha... onde o secretário da administração não apareceu na semana passada e agora o nosso PREFEITO, REALMENTE LAMENTÁVEL. E nada de esclarecer os contratos. E O BERNAL??? Continua sem aparecer na câmara, vergonhoso para um político.
 
Jaqueline Lara em 12/12/2013 11:48:40
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions