ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, TERÇA  20    CAMPO GRANDE 21º

Política

Mulheres ocupam lugar de vice em 64% das chapas à prefeitura da Capital

A lista tem nove mulheres e cinco homens, de diferentes segmentos sociais da cidade

Por Leonardo Rocha | 28/09/2020 13:05
Imagem de prédios em Campo Grande, perto dos altos da Afonso Pena (Foto: Arquivo - Marcos Maluf)
Imagem de prédios em Campo Grande, perto dos altos da Afonso Pena (Foto: Arquivo - Marcos Maluf)

A Justiça Eleitoral recebeu o registro de 14  candidatos a vice-prefeito, em Campo Grande. A lista tem representantes de diferentes segmentos, como advogados, professores, policial federal, assistente social, enfermeira, corretora de imóveis e dentista.

As candidatas (vice) mulheres representam 64% das opções aos eleitores, com nove nomes ao cargo, enquanto que os homens têm cinco representantes. Cenário diferente da disputa a prefeito, quando são 12 políticos e apenas duas mulheres no páreo, Cristiane Duarte (PSOL) e Sidnéia Tobias (Podemos).

Concorrem ao cargo a atual vice-prefeita Adriane Lopes (Patri), que novamente repete a chapa com o prefeito Marquinhos Trad (PSD). Eles buscam juntos o segundo mandato a frente de Campo Grande.  Esposa do deputado estadual Lídio Lopes (Patri), disse que está preparada para nova missão, já tendo a experiência do primeiro mandato.

Experiência - Já a ex-secretária estadual e professora Eloisa Castro Berro (PT), vem em chapa pura com o deputado Pedro Kemp (PT).  O MDB preferiu escolher a ex-vereadora e diretora da Fundac (Fundação Municipal de Cultura), Juliana Zorzo (MDB), que fará a dupla com o deputado Márcio Fernandes (MDB).

O PDT apostou na secretária de Movimentos Sociais do partido, Kelly Costa (PDT), que irá compor a chapa majoritária com o deputado federal, Dagoberto Nogueira (PDT).  Já Marcelo Miglioli (SD) escolheu como vice a enfermeira Carlla Bernal (SD), que tem experiência na área de saúde da Capital.

A corretora de imóveis Lilian Duraes (PSL) foi confirmada como candidata a vice do PSL, em chapa com o deputado federal, Loester Carlos (PSL), conhecido como “Tio Trutis”. Entretanto após ação judicial, a Justiça Eleitoral trocou de candidato, e colocou o vereador Vinícius Siqueira (PSL) no páreo. O nome de Duraes por enquanto está mantido.

Chapa feminina do PSOL, com Val Eloy, candidata a vice e Cris Duarte na disputa da prefeitura (Foto: Divulgação - Facebook)
Chapa feminina do PSOL, com Val Eloy, candidata a vice e Cris Duarte na disputa da prefeitura (Foto: Divulgação - Facebook)

Bandeiras - Em uma chapa exclusiva feminina, a líder indígena Val Eloy (PSOL), fará a dupla com Cris Duarte (PSOL) na disputa municipal. Ela foi escolhida como vice para representar e lutar pelas causas indígenas na Capital. Com a bandeira da renovação e nova política, Priscila Afonso (Novo) será a vice de Guto Scapanti (Novo).

Já a assistente social, Danny Duarte (PROS), aceitou compor a chapa com Paulo Matos (PSC), em uma parceria entre os dois partidos, para disputa municipal. Seu nome foi anunciado no último dia de convenções, em 16 de setembro.

Escolhidos – Desistindo da reeleição na Câmara Municipal, o atual vereador André Salineiro (Avante), que é policial federal, preferiu aceitar o desafio de ser candidato a vice de Sérgio Harfouche (Avante).

Dois professores foram escolhidos para o cargo, Pastor Alvarenga (PV), em chapa com o ex-vereador Marcelo Bluma (PV) e Samuel Gomes (Podemos), que também é músico, e estará ao lado de Sidnéia Tobias (Podemos). Já o advogado Jayme Magalhães (PL) aceitou o convite de João Henrique Catan (PL).

A lista ainda tem o empresário, Venicio Leite (PP), que segue em chapa com o ex-diretor da Santa Casa, Esachel Nascimento (PP). O 15° candidato a vice seria o professor da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Carlos Martins Júnior (PCO), mas sua chapa com Thiago Assad (PCO), ainda não consta no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de MS).

Confira a lista dos candidatos a vice-prefeito:

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário