A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

30/12/2010 23:59

Contrariando diretório nacional, PT decide se aliar ao DEM em Dourados

João Humberto

Por 63 votos contra 47, os delegados do Partido dos Trabalhadores votaram pela aliança com o DEM em apoio à candidatura do vice-governador Murilo Zauith à prefeitura de Dourados, cujas eleições acontecem no dia 6 de fevereiro. A reunião aconteceu esta noite na Câmara de Dourados.

O presidente do diretório municipal do PT em Dourados, Tenente Pedro, relatou ao Campo Grande News que dos 152 delegados, apenas 110 compareceram à reunião. O partido também indicou o nome de Dinaci Vieira Marques Ranzi à vice na chapa de Murilo.

Para Tenente Pedro, a decisão foi acertada e dignifica o partido. A respeito de confusão durante a reunião, já que muitos militantes não puderam participar da reunião, ele relatou que tudo já foi resolvido.

Ele também frisou que o vereador Elias Ishy, que tinha interesse em disputar a prefeitura pelo PT, acatou a decisão com ponderação. “Tenho certeza que foi a melhor decisão”.

Opinião contrária é defendida pelo vice-presidente do diretório regional do PT em Mato Grosso do Sul, Rubens Alves. Ele acredita que a decisão causa grandes prejuízos para o município de Dourados, uma vez que os partidos possuem trajetórias distintas.

Mas ele crê que o diretório nacional do Partido dos Trabalhadores vai intervir nessa decisão. “O PT deixar de apresentar candidatura própria é um erro tremendo, principalmente do ponto de vista dos militantes que apostam na oposição. Só que essa decisão não se prevalecerá, pois nossos dirigentes nacionais tinham ordenado que o PT não se aliasse ao DEM”, explica Rubens.

Aliança - Murilo Zauith já reúne 15 partidos em seu arco de alianças e lidera as pesquisas de opinião. Partidos nanicos também vão para o sacrifício na corrida eleitoral, como é o caso do PMN, que lançará Genival Antonio Valeretto, e do PSOL, que terá José Araújo como opção nas urnas.

O vice-governador, que inclusive convenceu o governador André Puccinelli (PMDB) a apoiá-lo, vai para o confronto alicerçado por um leque de aliança composto por PMDB, PDT, PSDB, PPS, PSB, PSL, PTB, PT do B, PR, PV, PSC, PSDC, PRB, PP, possivelmente o PT, além de seu próprio partido.

Sindicalista disputa prefeitura
Candidato do PSDC é o quarto candidato a prefeito em DouradosContrariando as expectativas, não é do PT o quarto candidato a prefeito definido em Dou...
PT decide hoje se lança candidatura camicase ou dá apoio ao DEM
O PT de Dourados decide hoje se lança candidatura “Camicase” ou apoia o projeto político do democrata Murilo Zauith, nas eleições do dia 6 de feverei...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...


É isso aí, agora roubem todos junto que ninguém ficará sabendo.

Povo de Dourados queria a eleição ... mas pode piorar, se é que isso seja possível.
 
Ricardo Homrich em 31/12/2010 09:03:00
Não seria melhor entregar a prefeitura direto para o Murilo sem precisar fazer eleição? E a tal democracia, para que serve se não tem opção de escolha?
 
Manoel Belo Viração Filho em 31/12/2010 06:43:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions