A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/02/2016 10:19

Nunca ouvi do Nelsinho que ele será candidato, diz Marquinhos

Antonio Marques e Leonardo Rocha
O deputado estadual Marcos Trad diz que vai se filiar ao PSD para disputar à prefeitura da Capital e que o irmão Nelsinho não será candidato (Foto: Assessoria ALMS)O deputado estadual Marcos Trad diz que vai se filiar ao PSD para disputar à prefeitura da Capital e que o irmão Nelsinho não será candidato (Foto: Assessoria ALMS)

O deputado estadual Marcos Trad, que já anunciou sua saída do PMDB, disse que vai esperar apenas o início da abertura da janela eleitoral para se filiar ao PSD, com a finalidade de disputar as próximas eleições municipais na Capital. Ele também revelou que tem se aproximado do governador Reinaldo Azambuja, na perspectiva de obter apoio em um possível segundo turno na disputa à prefeitura de Campo Grande.

Tudo indica que a assinatura da ficha de filiação será no dia 12 de março, quando a legenda vai realizar um encontro na Câmara Municipal de Campo Grande, que terá como foco o ato de novas filiações e o debate sobre as próximas eleições municipais. Uma liderança do partido informou que é esperada a presença do ministro das Cidades, Gilberto Kassab, presidente licenciado e fundador da legenda.

Questionado sobre a possibilidade de ter que disputar a eleição com o irmão e ex-prefeito da Capital, Nelson Trad Filho, Marcos Trad descarta a candidatura do irmão e disse não entender a razão de algumas notícias neste sentido. “Nas conversas que tenho com meu irmão, o Nelsinho nunca disse pra mim que será candidato”, afirmou o deputado.

Marcos Trad reiterou sua vontade de ser candidato e garantiu que é pré-candidato a prefeito de Campo Grande. Neste sentido, ele disse ter mantido contato com o governador Reinaldo Azambuja para um possível apoio no segundo turno das eleições. “Estamos bem próximo”, declarou, acrescentando que, após sua filiação ao PSD, vai seguir o bloco da base do governador na Assembleia Legislativa, que está se formando.

Atualmente o PSD não tem representantes na Assembleia Legislativa, mas tem dois vereadores na Câmara Municipal de Campo Grande, os vereadores Chiquinho Teles e Ademar Vieira Junior, o Coringa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions