A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Outubro de 2019

05/09/2019 12:25

Regras eleitorais precisam dar mais igualdade na disputa, dizem deputados

Mudanças sobre gastos de campanha e uso do fundo partidário, estão sendo discutidas no Congresso

Leonardo Rocha
Deputados durante sessão na Assembleia (Foto: Luciana Nassar/ALMS)Deputados durante sessão na Assembleia (Foto: Luciana Nassar/ALMS)

O Congresso Nacional está analisando mudanças nas regras eleitorais, em relação aos gastos de campanha, uso do fundo partidário, assim como as propagandas ao longo do ano. Na Assembleia, os deputados defendem que as alterações devem dar mais “igualdade” de disputa entre os candidatos, principalmente na questão financeira.

“Já houve avanços importantes como o fim dos showmícios, camisetas, jantares e almoços patrocinados por candidatos, mas entendo que ainda precisa de regras para dar mais igualdade na disputa”, disse Herculano Borges (SD). Ele entende que o “fator econômico” ainda faz diferença no pleito.

Lídio Lopes (Patri) reclama que a repartição do fundo partidário e eleitoral, ainda contempla os “grandes partidos”, deixando poucos recursos aos pequenos. “A diferença é muito grande, o que nos remete as eleições antigas, com disputas muito desiguais”, avaliou.

Para Pedro Kemp (PT) as mudanças devem ser para reduzir o “poder econômico” das eleições, para não prejudicar os candidatos que vêm da classe trabalhadora. “Precisa-se de mais igualdade de oportunidade, por isso defendo o financiamento público exclusivo, para evitar doações”.

Renato Câmara (MDB), por exemplo, defende a proibição dos adesivos de candidatos. “Influencia muito, porque o eleitor entende que aquele que tem muitos adesivos na cidade, está mais forte do que os adversários, quando a questão é apenas financeira”.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions