A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

18/09/2014 19:54

Reinaldo quer diminuir burocracia para desenvolver habitação no MS

Ludyney Moura
Reinaldo quer desburocratizar para promover desenvolvimento do setor habitacional (Foto: Divulgação/Alexandre C. Mota) Reinaldo quer desburocratizar para promover desenvolvimento do setor habitacional (Foto: Divulgação/Alexandre C. Mota)

O candidato do PSDB ao Governo do Estado, deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB), afirmou, durante agenda pública de campanha, que pretende implementar uma gestão que proporcione crescimento ao setor da habitação.

"Vamos sentar e discutir quais os gargalos do setor de imóveis. É licenciamento? É liberação de projetos? É infraestrutura? O setor habitacional é um grande desafio para nós", disse o candidato, prometendo um governo “ desburocratizado e moderno”.

De acordo com Reinaldo, a burocracia estatal é um do entraves para o desenvolvimento no país e no Estado. "O que existe é uma burocracia excessiva. Licença ambiental demora três anos para acontecer. Quando vai para edificação e precisa de licenciamento do Corpo de Bombeiros demora mais tempo ainda. Precisamos desburocratizar o Estado e modernizar essas questões”, declarou o tucano.

Segundo o candidato, o déficit habitacional de Mato Grosso do Sul é de 86 mil domicílios. Só em Campo Grande faltam oito mil residências. "Em Três Lagoas, por exemplo, tem um déficit habitacional enorme, mas não conseguem ampliar loteamentos", frisou.

Outra medida prometida pelo candidato tucano é a mudança nos critérios de distribuição de casas populares. "É uma forma de fazer justiça social para as pessoas que mais precisam", finalizou o tucano.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions