A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/09/2014 22:30

TRE bloqueia perfis, canais do Youtube e concede direito de resposta no Facebook

Ludyney Moura

Pelo segundo dia consecutivo, o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) determinou o bloqueio de perfis falsos na maior rede social do mundo, o Facebook, que ofendiam o candidato do PSDB ao Governo do Estado, Reinaldo Azambuja.

Nas decisões publicadas pelo órgão nesta sexta-feira (19), o Google, empresa responsável pelo Youtube, também foi notificada pela Justiça Eleitoral para bloquear dois canais de vídeos que publicavam material ofensivo à candidatura tucana.

A Justiça determinou que o Google tem 48 horas para para bloquear os canais e encaminhar ao órgão os respectivos números de IPs (internet protocol) dos logins dos administradores desses canais, e os endereços eletrônicos (e-mails) e os números de telefone celular a eles vinculados para login.

Em uma outra decisão, também à pedido da coligação tucana, o Facebook ganhou mais 72 horas de prazo para enviar à Justiça informações acerca dos responsáveis pelos pagamentos das publicidades que supostamente ofendem Reinaldo.

Outro que se beneficiou das decisões do TRE-MS foi o deputado estadual Felipe Orro (PDT), que disputa a releição. Dois usuários do Facebook publicaram matérias que a Justiça entendeu ofensivas ao pedetista. As postagens deverão serem apagadas e o parlamentar terá direito de usar a página pessoa dos usuários para o direito de resposta.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions