A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

07/12/2012 17:44

Leitor encontra jacaré em calçada, em plena avenida

Paula Maciulevicius
Jacaré estava estático, a observar o movimento de carros próximo a rotatória da Coca-Cola. (Foto: Erik Fernandes da Silva) Jacaré estava estático, a observar o movimento de carros próximo a rotatória da Coca-Cola. (Foto: Erik Fernandes da Silva)

Encontrar um jacaré parado, olhando o movimento na calçada próximo à rotatória da Coca-Cola em plena sexta-feira à tarde. Foi depois de 12 anos morando em Campo Grande que o negociador de compras Erik Fernandes da Silva, 28 anos, conseguiu responder aos parentes e amigos que ficaram em Curitiba, no Paraná, que dessa vez viu um jacaré andando pela rua.

“Quando eu vim pra cá a primeira pergunta que uma prima de lá me fez foi ‘você já viu onça aí. Não, não vi onça, não tem onça. Mas jacaré eu achei, agora achei. Mas é bem mais comum”, brinca.

O leitor Erik foi quem parou a motocicleta por volta das 15h de hoje, para fotografar o bicho estático. Talvez um pouco assustado pelo movimento de carros. “Passei por ele e voltei. Vi e fotografei. Eu só tinha visto assim indo para Miranda, mas passando muito rápido. Assim, não tinha visto não”, relata.

Erik conta que o jacaré estava paralisado. “Só quando eu saí de moto e passei na frente dele de novo é que ele deu uma movimentada. Mas ele estava estático”.

O negociador de compras acredita que o animal tenha vindo do Córrego logo atrás da rotatória. Local onde ele sempre vê capivaras passando. “Sempre tem no canteiro central, mas jacaré eu nunca imaginei não. É novidade pra mim”.

O leitor acionou a PMA (Polícia Militar Ambiental) que informou que iria até o jacaré. Segundo o major Edmilson Queiroz, o jacaré pode ter saído do Córrego Bandeira ou do Lago do Amor. “Como ali é o habitat deles, a gente só toca o jacaré de volta. Não fazemos o recolhimento. A PMA tira e leva para o próprio Lago do Amor”, explica. O major acrescenta que às vezes, os animais sobem do córrego e acabam saindo para a avenida.



Aqui tem onça, jacaré e muita ratazana também!
 
Hugo Alves em 08/12/2012 14:14:19
Isso tá me parecendo com aquele desenho animado: "Os sem floresta". Mas isso é mais comum do que se imagina; as cidades cresceram muito e circundaram seus habitat com casa e prédios.
 
Gilberto Ozuna em 08/12/2012 10:11:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions