A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

08/09/2017 08:32

Bêbado, motorista é preso após se envolver em acidente no Centro

As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e levados à Santa Casa. A suspeita é de que Sidney tenha sofrido fratura no tornozelo

Viviane Oliveira e Mirian Machado
Ney aceitou fazer o teste e o resultado foi positivo de 0,61 miligramas de álcool por litro de ar (Foto: Mirian Machado) Ney aceitou fazer o teste e o resultado foi positivo de 0,61 miligramas de álcool por litro de ar (Foto: Mirian Machado)

O estagiário de Direito Ney Peixoto Júnior, 34 anos, foi preso por dirigir bêbado após se envolver em acidente, na manhã desta sexta-feira (8), no cruzamento das ruas Barão do Rio Branco com a 13 de Maio, no Centro de Campo Grande.

À equipe de reportagem, Ney contou que seguia pela Barão do Rio Branco em um veículo Hyundai Creta, quando atingiu a motocicleta Honda, de cor preta, conduzida por Sidney Moreira, 35 anos, e que tinha como passageira, Cristiane Ferreira, 46 anos.

Como o cruzamento é sinalizado, o motorista, que se apresentou como advogado, garante que o sinal estava verde para ele. “Tomei um susto. Fiquei preocupado com as vítimas”, lamenta, acrescentando que estava indo lanchar. 

Os ocupantes da motocicleta foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e levados à Santa Casa. A suspeita é de que Sidney tenha sofrido fratura no tornozelo. Policiais do Trânsito foram acionados e enquanto atendiam a ocorrência perceberam que Ney apresentava sinais de embriaguez.

A suspeita foi confirmada após o condutor fazer o teste de alcoolemia. O resultado foi de 0,61 miligramas de álcool por litro de ar. O homem estava tão bêbado que chegou a urinar na viatura da polícia enquanto assinava a ocorrência. Ele foi preso em flagrante e levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, onde deve ser liberado após pagar fiança. Ney tem registro na OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil) como estagiário. 

Ontem à noite, duas pessoas morreram e cinco ficaram feridas em acidente na rodovia causado por um motorista bêbado. 

Crime - Desde novembro do ano passado, dirigir sob influência de álcool é infração gravíssima, segundo o CTB (Código de Trânsito Brasileiro). Além de pagar multa no valor de R$ 2.934,70, o condutor perde o direito de dirigir por 12 meses. Em caso de reincidência, o valor dobra para R$ 5.869,40. Além da esfera administrativa, o flagrante pode resultar em prisão se a medição do etilômetro indicar mais de 0,34 miligramas de álcool por litro de sangue.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions