ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, TERÇA  13    CAMPO GRANDE 21º

Lugares por Onde Ando

De moto pelas estradas e belezas naturais de Mato Grosso do Sul

Por Paulo Nonato de Souza | 06/04/2021 08:10
Sozinho ou em turma, viajar de moto é uma boa alternativa de passeio ao ar livre por estradas de Mato Grosso do Sul (Foto: Reprodução)
Sozinho ou em turma, viajar de moto é uma boa alternativa de passeio ao ar livre por estradas de Mato Grosso do Sul (Foto: Reprodução)

As viagens solo e a busca de destinos de natureza são tendências do turismo para driblar a pandemia. Neste caso, subir em uma moto e sair pelas estradas pode ser uma boa alternativa de passeio ao ar livre e sem aglomeração, como sugerem os protocolos de prevenção contra o coronavírus.

“Viajar sozinho faz parte da essência do verdadeiro motociclista”, diz o aventureiro Mauro Coutinho Damasceno no livro “Na solidão do meu capacete”. Montado em sua motocicleta a recomendação de distanciamento só não será cumprida se levar alguém na garupa ou se a viagem for em grupo de amigos.

Para o publicitário Maikon Gonino, pilotar uma moto é sinônimo de liberdade. Ele define a paixão pelo motociclismo como um estilo de vida, e aponta duas de suas rotas preferidas em Mato Grosso do Sul para se aventurar em duas rodas e curtir o vento na cara.

“Partindo de Campo Grande é muito legal fazer bate-volta para tomar um cafezinho em Sidrolândia, comer um pão de queijo em Água Rica ou passar um final de semana em Bonito. A cada viagem a gente faz novos amigos, um novo negócio, um novo cliente, enfim, são experiências e histórias para vida toda”, disse Maikon.

O publicitário Maikon Gonino tem suas rotas preferidas: Campo Grande-Sidrolândia, Campo Grande-Água Rica e Campo Grande-Bonito (Foto: Arquivo pessoal)
O publicitário Maikon Gonino tem suas rotas preferidas: Campo Grande-Sidrolândia, Campo Grande-Água Rica e Campo Grande-Bonito (Foto: Arquivo pessoal)

“Em Mato Grosso do Sul temos rotas muitos legais e diferentes, todas asfaltadas, postos de gasolina não ultrapassando os 200 km, detalhe muito importante para o motociclista, considerando que a moto é bem diferente do carro”, avalia o presidente da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), o campo-grandense Firmo Henrique Alves.

A campo-grandense Selma Barros, motociclista desde a adolescência e já experiente em pegar estradas em cima de moto, conhece bem a rota Campo Grande-Aquidauana com paradas no tradicional Posto Redondo e nos distritos de Piraputanga e Camisão, dois destinos importantes de ecoturismo já na região do Pantanal.

“Almoçamos em Aquidauana e fizemos o trajeto de volta para Campo Grande. Andar de moto é a experiência de sair das suas próprias limitações, é como estar inserido na própria natureza, sentindo o vento, o sol, é o sentido da liberdade que as aves sentem e os humanos almejam”, disse Selma.

Motociclista desde a adolescência, Selma Barros sugere a rota Campo Grande-Aquidauana com paradas nos atrativos turísticos da região (Foto: Arquivo pessoal)
Motociclista desde a adolescência, Selma Barros sugere a rota Campo Grande-Aquidauana com paradas nos atrativos turísticos da região (Foto: Arquivo pessoal)

O barberpub Nelson Sanches Junior também sugere as rotas Campo Grande-Aquidauana, Campo Grande-Sidrolândia, Campo Grande-Corguinho e Campo Grande-Ribas do Rio Pardo como boas alternativas de passeio de moto. “São as rotas que costumamos fazer. Agora no último domingo fizemos a rota sentido Aquidauana, mas até o Posto Redondo, distante 90 km de Campo Grande”, declarou.

Há quem prefira pegar a estrada absolutamente sozinho, ou seja, nada de viajar em grupos, mas a grande maioria prefere se juntar a turmas, os chamados motoclubes, até para se sentir mais seguros nas rodovias. “No nosso caso a gente tem um grupo no Whatsapp chamado Desunido Motoclube, onde são feitas as inscrições, cada um recebe uma numeração e partimos todos de um mesmo local depois da contagem para verificar se está todo mundo presente”, revelou Nelson Sanches Junior

Nelson Sanches Junior faz parte de um grupo no Whatsapp chamado “Desunido Motoclube”, onde é feita a programação dos passeios (Foto: Arquivo pessoal)
Nelson Sanches Junior faz parte de um grupo no Whatsapp chamado “Desunido Motoclube”, onde é feita a programação dos passeios (Foto: Arquivo pessoal)

Alerta com a Covid-19 - Se você também curte motociclismo e está decidido a ir para a estrada, não esqueça de levar em conta que estamos em um novo momento, onde a cautela e o planejamento para uma viagem segura de moto inclui itens fundamentais, como o uso de máscaras de proteção, higienização das mãos, do capacete e até da motocicleta com álcool em gel.

Sãos os novos itens de segurança pessoal, tão importantes como fazer uma avaliação médica sobre suas condições físicas para suportar a viagem em cima de uma moto, se assegurar de pontos de paradas para abastecimento da moto, descanso e revisão mecânica para verificar se a moto está em boas condições e pronta para a estrada.

Feito isso, restará vestir suas roupas de motociclista, verificar se a viseira do seu capacete tem boa visibilidade e partir para o destino que escolher. Ah, em cada parada, não esqueça de alongar as pernas e o resto do corpo, porque isso ajuda a prevenir dores por ficar muito tempo na mesma posição.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário