A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

30/09/2015 09:16

Volume de chuvas na madrugada atinge média histórica no interior

Renata Volpe Haddad e Helio de Freitas, de Dourados
Corpo de Bombeiros registrou quatro ocorrências durante esta madrugada, e todas foram sobre queda de árvores. (Foto: Ailton dos Santosl/Divulgação)Corpo de Bombeiros registrou quatro ocorrências durante esta madrugada, e todas foram sobre queda de árvores. (Foto: Ailton dos Santosl/Divulgação)

Durante a madrugada desta quarta-feira (30), a chuva e o vento provocaram queda de quatro árvores em Dourados, distante 233 km de Campo Grande, sendo duas sobre residências, segundo informações do Corpo de Bombeiros. Os ventos atingiram 43km/h.

Veja Mais
Temporal e chuva de granizo causam queda de árvores e destalhamentos
Temporal causou prejuízo de R$ 28 mil a empresário por destruir barracão

Uma equipe do Corpo de Bombeiros está no local desde às 06h para poder retirar a árvore. Com a queda, a região está sem energia, pois danificou parte da rede elétrica. Equipe da Prefeitura e da Energisa também estão no local.

Conforme a Defesa Civil de Dourados, as duas residências atingidas ficam no bairro Canaã 1, na rua Apolônio. Apesar do susto, não houve grande estragos nas casas e a assistência social já esteve no local para prestar ajuda.

De 0h até 7h30, choveu 43 milímetros e no acumulado de setembro, as chuvas chegam a 232 milímetros, atingindo a média histórica do mês, que é de 100 milímetros, segundo a estação agrometeorológica da Embrapa.

Uma árvore caiu sobre uma residência no bairro Canaã 1. (Foto: Ailton dos Santos/Divulgação)Uma árvore caiu sobre uma residência no bairro Canaã 1. (Foto: Ailton dos Santos/Divulgação)
A região está sem energia, pois os cabos foram rompidos. (Foto: Ailton dos Santos/Divulgação)A região está sem energia, pois os cabos foram rompidos. (Foto: Ailton dos Santos/Divulgação)

Municípios – Em Itaquiraí, distante 410 km de Campo Grande, choveu 47,1 milímetros conforme informações do metereologista Natálio Abrão. Segundo o Corpo de Bombeiros, apesar do volume grande de chuvas, não houve nenhuma ocorrência. No momento não chove no município, mas o tempo está nublado.

Já em Porto Murtinho, município distante 431 km da Capital, as chuvas iniciaram na madrugada desta quarta-feira e já soma 30,2 milímetros, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Metereologia).

Em Jardim, distante 233 km de Campo Grande, a chuva começou nesta madrugada e de acordo com o Inmet, o volume atingido até o momento é de 58,8 milímetros. Segundo o Corpo de Bombeiros, ainda não houve nenhuma ocorrência por causa das chuvas.

Temporal na tarde de ontem (29) voltou a causar prejuízos e transtorno em Corumbá, distante 419 quilômetros de Campo Grande. Foram pelo menos cinco chamados no Corpo de Bombeiros de queda de árvores e destalhamento de casas.

O Inmet emitiu alerta de chuvas intensas para todo Mato Grosso do Sul.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions