A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Setembro de 2016

03/03/2015 08:03

Na contramão do país, cidade de MS abre 570 novos postos de trabalho

Mesmo com ano ruim no Brasil, Caged mostra que Dourados abriu 573 empregos a mais em relação a 2013

Helio de Freitas, de Dourados
Cursos de qualificação ajudaram segunda maior cidade de MS a ter saldo de emprego positivo em 2014 (Foto: Divulgação/A. Frota)Cursos de qualificação ajudaram segunda maior cidade de MS a ter saldo de emprego positivo em 2014 (Foto: Divulgação/A. Frota)

O município de Dourados, a 233 km de Campo Grande, caminhou na contramão do país em 2014 na geração de emprego. O ano ruim para a economia brasileira derrubou a abertura de novos postos de trabalho nas principais regiões do país, mas na segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul a situação foi diferente.

Veja Mais
Mudanças no seguro-desemprego valem para demitidos a partir de hoje
MS elimina 1.270 empregos em janeiro, o pior resultado para o mês em 13 anos

Números do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), órgão do Ministério do Trabalho e Emprego, mostram que Dourados foi a única entre as quatro maiores cidades do Estado a aumentar a geração de empregos de 2013 para 2014.

De acordo com dados do Caged, divulgados hoje pela prefeitura, o crescimento do emprego com carteira assinada foi de 43% de 2013 para 2014 em Dourados. Foram abertos 573 empregos a mais de um ano para outro – 1.892 criados em 2014 e 1.319 em 2013.

As outras três cidades de MS com mais de cem mil habitantes fecharam postos de trabalho no mesmo período, conforme a prefeitura. A capital fechou 4.921 vagas de emprego de 2013 para 2014, reduzindo a oferta de emprego em 64%. Foram 7.602 empregos criados na capital em 2013 e 2.681 em 2014.

Corumbá, que havia criado 93 empregos em 2013, fechou 103 no ano passado, perdendo 10 empregos no comparativo. Isso significa que o número de trabalhadores demitidos foi maior que o de admitidos.

A cidade de Três Lagoas, na região do Bolsão, teve o pior resultado. Criou 6.713 empregos em 2013 e fechou 7.872 no ano passado. No comparativo de um ano para outro a cidade fechou 834 postos de trabalho.

Em Mato Grosso do Sul, além de Dourados o outro município que não perdeu emprego no comparativo de 2013 para 2014 foi Coxim. Na cidade da região norte o emprego formal cresceu de 140 em 2013 para 255 no ano passado – saldo positivo de 115.

Já o Estado terminou 2014 com emprego em queda. Foram 15.936 empregos criados em 2013 contra um saldo negativo de 2.416 vagas em 2014. O Brasil também fechou postos de trabalho. Foram 1,117 milhão em 2013 contra 397 mil em 2014.

Para a prefeitura, o atual cenário de geração de emprego em Dourados deve-se principalmente aos programas de desenvolvimento econômico realizados desde 2011, que incluem cursos de qualificação de mão de obra e incentivo para formalização de micro empreendedores e para abertura de novos negócios. Atualmente a cidade abre em média quatro empresas por dia.

Mudanças no seguro-desemprego valem para demitidos a partir de hoje
As novas regras de concessão do seguro-desemprego começam a valer para quem for demitido a partir deste sábado (28). As normas de acesso a cinco bene...
MS elimina 1.270 empregos em janeiro, o pior resultado para o mês em 13 anos
Janeiro terminou com saldo negativo no mercado de trabalho formal de Mato Grosso do Sul, registrando a eliminação de 1.270 empregos formais, o que re...
Brasil tem o menor saldo na geração de emprego para janeiro em seis anos
O número de trabalhadores admitidos em janeiro foi menor do que o total de demissões, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (...
Brasil criou quase 400 mil empregos em 2014
O Brasil registrou 396.993 novas vagas de trabalho com carteira assinada no ano de 2014, informou o Ministério do Trabalho e Emprego. Houve aumento d...



Claro morre 150 pessoas por mes, alguem tem que repor quem está indo desta pra melhor né??
 
Max em 03/03/2015 14:51:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions