A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

17/04/2014 15:17

Brasil é maior que os que mandam na Petrobras

Por Ruy Sant’Anna (*)

A presidente Dilma deve se conter em seus arroubos eleitoreiros ao tentar jogar os operários petroleiros contra o povo, e lembrar que ninguém, rigorosamente ninguém é contra a empresa Petrobras. As pessoas de bem estão revoltadas, indignadas é contra os chefões da Petrobras que colocaram essa empresa, que é mantida dignamente pelos seus operários, técnicos, engenheiros e cientistas obreiros, na condição de empresa petrolífera com enormes prejuízos à Nação. Prejuízos e provas que, ao final das investigações da Polícia Federal e ação do Ministério Público Federal têm de ser trazidas para o conhecimento público. Pois ao final das contas essa empresa é uma estatal de capital aberto, ou seja, tem ações vendidas na bolsa de Nova Iorque e é cotada também na Bolsa de Valores de São Paulo (BOVESPA).

Na verdade a Petrobras tem lucros astronômicos e a maior parte de seu rendimento vai para o governo federal e é aí que a porca torce o rabo. Pois quando o dinheiro entre no cofre federal, não tem RG e ninguém de nós sabe para onde vai tanta bufunfa...

Uma realidade que é quase desconhecida da grande maioria brasileira: A Petrobras é a única refinaria e importadora de combustíveis no Brasil. Ela não tem rosto, mas tem várias mãos e cabeças que fazem e desfazem da maneira que bem entendem, dos destinos da empresa, e quando algum aperto é feito no sentido de que esclareçam pontos obscuros, saem com um xeque mate ou cala boca fatal: Segundo a Agência Reuters “a Petrobras afirmou em 8 de dezembro que a sua política de preços de combustível tem como objetivo deixar os preços domésticos em conformidade com os preços mundiais ao longo dos próximos dois anos. A empresa se recusou, porém, a dizer qual era a política, alegando sigilo corporativo”.

Agora, porém, com as denúncias que pipocam a torto e a direito, a justiça federal determinou que a Petrobras explique, no prazo de cinco dias, qual a política que ela usa para estabelecer o preço da gasolina no Brasil.

Essa determinação judicial é porque o controle de preços levou a grandes perdas nas unidades de refino e ao aumento da dívida da estatal da Petrobras. Essa providência emanou do juiz Victorio Giuzio Neto, da 24ª Vara Civil do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, em São Paulo, ao proferir a decisão na terça-feira, dia 01 de abril a pedido do deputado estadual Fernando Capez (PSDB-SP), informou a assessoria de imprensa do tribunal.

Veja que Lula, então presidente, fez um grande estardalhaço quando jorrou petróleo na Plataforma Tupi, Afirmou, com sua formidável cara de pau que o Brasil daquela hora em diante tornara-se independente na área do petróleo e produção de gasolina. Não esperava que a tão pouco tempo daquela conversa mole, e caríssima para os cofres públicos por causa da propaganda que andou fazendo por conta daquele teatro, assistiríamos a esse turbilhão de males feitos. A verdade apareceu com as refinarias da Petrobras incapazes de atender à crescente demanda no país, a empresa foi obrigada a importar mais combustível para vender no mercado interno, com perdas. ”Como resultado, a unidade de refino da Petrobras perdeu 37 bilhões de reais nos últimos dois anos”, segundo informou a Reuters.

Com toda pose da presidente Dilma que se apresenta como a entendida sobre petróleo e seus derivados, a produção de petróleo ficou estagnada há quatro anos, foi arquitetado então um plano de investimentos de cinco anos de 221 bilhões de dólares e com o aumento da dívida, o valor de mercado da Petrobras caiu para 89 bilhões de dólares. Deixou de ser a grande Petrobras, uma das maiores do mundo para viver às turras para não ficar mal vista no cenário econômico nacional e mundial, e toma propaganda. E não falo como não se fala contra os homens e mulheres que realmente carregam a Petrobras nas costas. Não. Este artigo é dirigido aos homens e mulheres que estão no comando da Petrobras ou de alguma forma interferem na administração atual ou pertenceram num passado não muito distante, e que insistem em querer dar carta e jogar de mão na mesa política do Oiapoque ao Chuí, resvalando em Mato Grosso do Sul.

O Brasil é maior que os homens e mulheres que devem ser responsabilizados, os quais serão conhecidos pelos trabalhos da Polícia Federal, Ministério Público Federal, coroados com a decisão da Justiça. Assim, confiando dou a essas autoridades, ao brasileiro em geral e aos co-estaduanos, o meu bom dia, o meu bom dia pra vocês.

(*) Ruy Sant’Anna, jornalista e advogado.

 

Dentro de casa só a verdade
Como viver em família mascarando a verdade? Não sei como é em sua casa, mas assumir a verdade em seu lar é a melhor escolha. Podem existir situações ...
Carne Fraca: operação eficaz ou midiática?
O dia 17 de março de 2017 marcou três anos da prisão de Alberto Youseef, estopim da operação Lava Jato. Em 17 de abril de 2014, o Brasil começava a m...
O que muda com a nova Lei da Terceirização aprovada pela Câmara
Quarta-feira passada a Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que regula a terceirização, a principal alteração trazida pelo PL 4330/04 é a po...
Eis que eu renovo todas as coisas ...
Neste início do outono, a estação mais bonita do ano para mim, aquela que considero “a minha estação”, há uma característica metafísica que a torna d...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions