ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 29º

Cidades

Cenário é "preocupante", diz secretário sobre tendência de mais mortes por covid

Hoje o Estado registrou 8 novos óbitos; são 85 mortes somente no mês de julho

Por Guilherme Correia | 12/07/2020 11:28
Tendência, segundo secretário, é que número de mortes pela doença chegue a 200 este mês (Foto: Silas Lima)
Tendência, segundo secretário, é que número de mortes pela doença chegue a 200 este mês (Foto: Silas Lima)

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, alertou durante boletim diário sobre a covid-19 que, por ser fim de semana, muitas mortes ocorridas em razão da doença podem não ter sido registradas ainda. “Muitas das equipes nos municípios tem pouco contingente, poucos trabalhando. Teremos números que expressam melhor essa doença a partir da segunda ou terça-feira”.

Resende frisa que até hoje, julho tem mais mortes do que junho - são 71 só neste mês e prevê cenário preocupante para daqui para frente.

Se continuarmos esse número de mortos, deveremos ultrapassar 200 óbitos em julho, se continuar essa curva. Isso é muito preocupante

Ele comenta sobre pessoas que têm “pouca contribuição” quanto às medidas de prevenção ao vírus. “A medida que a doença se avança, temos pouca contribuição da nossa população quanto a isolamento, uso de máscaras e regras de higiene. Já fizemos esses apelos e vamos fazer hoje de novo, mas seguramente faremos indicações no sentido de termos medidas mais rígidas, mais duras”.

“[Medidas] que levem a uma taxa melhor de isolamento social para evitarmos perdas de vidas de nossos amigos, nossos conterrâneos, e principalmente aqueles que vivem no nosso Estado e que não podem ser submetidos a essa situação, principalmente idosos e pessoas com comorbidades, que são as vítimas principais do coronavírus”.

Segundo Mapa Brasileiro da Covid-19, até ontem (11), o Estado ocupa a 23ª posição no índice de isolamento social, principal medida contra a disseminação descontrolada de coronavírus.

Avanço da doença - Mato Grosso do Sul confirmou nesta manhã, 13 mil e 197 casos confirmados da doença. De ontem pra hoje, foram 228 novos casos no Estado que registra 161 mortos.

Segundo dados do Ministério da Saúde, o Brasil caminha para chegar à 2 milhões de casos acumulados da doença, a região centro-este detém 144 mil e 804 desses. Ao todo, 71 mil e 479 brasileiros já morreram por covid.