ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUINTA  06    CAMPO GRANDE 28º

Cidades

Morre aos 64 anos, o apresentador Wagner Montes

Ele já havia sofrido um infarto, em novembro de 2018, e estava internado para tratamento de uma infecção urinária

Por Danielle Valentim | 26/01/2019 13:50
Wagner na última quarta-feira. (Foto: Reprodução/A Tarde é Sua)
Wagner na última quarta-feira. (Foto: Reprodução/A Tarde é Sua)

O apresentador e deputado estadual (PRB/RJ) Wagner Montes morreu, às 11h30 (horário de Brasília), deste sábado, aos 64 anos. Ele estava internado há dois meses, no Hospital Barra D'Or, para tratamento de uma infecção urinária.

Na última quarta-feira (23), o apresentador precisou ser sedado para seguir com o tratamento contra a infecção, conforme a apresentadora Sonia Lima, esposa de Wagner, explicou em uma mensagem ao “A Tarde é Sua”.

Em novembro de 2018, Wagner já havia sofrido um infarto. A causa da morte foi choque séptico e sepse abdominal.

Conforme o portal O Dia, o velório será realizado na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) em data e horário que ainda será confirmado pela família.

Montes ficou conhecido por sua passagem como jurado do "Show de Calouros" de Silvio Santos no SBT e ao comandar telejornais populares na Record TV, onde começou a trabalhar em 2003. Ele passou pelo Verdade do Povo, Cidade Alerta Rio e RJ no Ar até chegar ao Balanço Geral local.

No auge do sucesso, Wagner teve que deixar o comanda do atração devido a sua candidatura nas eleições de 2006 para deputado estadual. Na época, ele foi o terceiro candidato mais votado do Rio. No pleito de 2010, obteve mais de 500 mil votos e foi o mais votado do Estado. Em 2014, se reelegeu novamente, como o segundo político com mais votos nas urnas.