A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

24/08/2010 13:12

Bebidas atraíam adolescentes à exploração sexual

Redação

Bebidas eram usadas para atrair adolescentes à casa de Célia Maria de Jesus Santos, 48 anos, no Bairro Rouxinóis, em Campo Grande, onde, segundo a PM (Polícia Militar), era mantida uma casa de prostituição.

Em depoimento à Polícia Civil, uma jovem de 19 anos afirmou ontem que algumas meninas faziam programas no local.

A jovem revelou ainda que Célia levava homens para esta casa e eles pagavam bebidas alcoólicas às garotas.

No banheiro da residência também havia preservativos disponíveis.

Uma menina de 17 anos também revelou que a Célia a incentivava a manter relações sexuais com homens.

No entanto, embora no local tenham sido encontradas sete adolescentes, todas negam que a casa era de prostituição.

De acordo com a delegada titular da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), Regina Márcia Rodrigues, é justamente a omissão das vítimas que dificulta a comprovação do crime.

"Elas protegem o aliciador e o explorador devido à relação de troca", diz a delegada sobre os benefícios oferecidos pelos exploradores.

Ação da PM na noite de domingo descobriu o caso, que foi registrado no Cepol (Centro Especializado de Polícias).

Célia e Robson Ferreira dos Santos, 23 anos, foram presos e autuados em flagrante com base no artigo 218 do Código Penal, que prevê pena de 4 a 10 anos por favorecimento à prostituição ou outra forma de exploração sexual de vulnerável.

Robson mantinha relação sexual com uma menina de 17 anos quando a PM chegou ao local.

Entretanto, a garota chegou a alegar que o rapaz era namorado dela.

Na casa, localizada na Rua Edcel Nogueira Vieira, foram apreendidos: 140 álbuns com fotos, 40 preservativos, bebidas alcoólicas, anticoncepcionais e 12 revistas pornográficas.

Os álbuns aparentavam ser catálogos para a escolha dos produtos: meninas e meninas em fotos com roupas porém sensuais.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions