A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

30/11/2015 20:28

Fechamento do CEMPE,onde ganhavam 300% a mais, provoca demissão de 30 pediatras

Flávio Paes
Anuncia em outubro pelo prefeito, nova estrutura não tem prazo para ser implantada (Foto:Divulgação)Anuncia em outubro pelo prefeito, nova estrutura não tem prazo para ser implantada (Foto:Divulgação)

Com o fechamento do Centro Municipal Pediátrico, onde ganhavam até 300% a mais do que seus colegas das demais unidades, 30 pediatras pediram demissão, não mostrando interesse em trabalhar nos UPAs e Centros Regionais de Saúde.

No CEMPE os pediatras ganhavam R$ 12 mil por mês para cumprir três plantões semanais que somavam 18 horas semanais de jornada (um plantão de 12 horas e outro de seis ou três de seis horas).  No restante da rede pública, para ter este mesmo rendimento, precisa fazer pelo menos três plantões semanais de 12 horas (36 horas de jornada por semana).

Com esta debandada, o quadro da rede pública desta especialidade médica, caiu de 90 para 60 pediatras. Em decorrência, a Secretaria Municipal de Saúde deve ter dificuldades para fechar suas escalas de plantão. A tendência é que médicos clinicos gerais acabem atendendo fazendo o atendimento infantil.

 Provavelmente por conta da carência de pediatras é que embora tenha sido prometida pelo prefeito Alcides Bernal e o secretário Municipal, Ivandro Fonseca, no dia 9 de outubro, portanto há 51 dias,como alternativa ao fechamento do CEMPE (Centro Municipal Pediátrico), ainda não saiu do papel a nova estrutura de atendimento pediátrico na rede pública. 

O secretário promete anunciar dentro de 15 dias onde funcionará o Centro de Especialidades Pediátricas (que continuará provisoriamente no prédio do CEMPE). Pelo planejamento apresentado em outubro, a ideia seria concentrar num prédio público (provavelmente a antiga sede da Escola CENEC perto do Paço), as especialidades pediátricas (que seriam aumentadas de 16 para 30), com o suporte de equipe multiprofissional, como terapeuta ocupacional, fonoaudiologia, psicologia, nutricionista, além de abrir .

A estrutura de atendimento anuncida nesta segunda-feira (pediatras 24 horas nas UPAS) e durante a noite nos 9 centros de regionais de saúde, reedita o esquema existente até a implantação do CEMPE em outubro do ano passado. Mesmo assim a Secretaria de Saúde garante que o número mensal de consultas vai aumentar de 22 mil para 37,1 mil. por mês e serão descentralizadas e distribuídas nas unidades.

Em 16 Unidades Básicas de Saúde, com agendamento apenas no horário comercial e de segunda-feira, há 24 pediatras que atendem nas UBS da Vila Nasser, Mata do Jacinto, Nova Bahia, Coronel Antonino, Estrela do Sul; São Francisco; : Pioneira, 26 de Agosto e Jockey Club; Caiçara, Lar do Trabalhador, Buriti , Coophavila; Cidade Morena, Carlota e Tiradentes .

Homem é ferido a tiro na saída de pagode no Bairro Taquarussu
Giovani Rodrigues Barbosa, 22 anos, foi baleado no tórax na saída de um pagode, na madrugada deste domingo (18), na Avenida Presidente Ernesto Geisel...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions