A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

15/10/2011 09:42

5ª edição do Festival do Pastel destaca cultura japonesa em MS

Edmir Conceição

Começou neste sábado evento com a expectativa de receber 70 mil pessoas

Frito na hora, sequinho, crocante por fora e com uma variedade de recheios, o pastel pode ser acompanhado por um suco natural, caldo de cana ou refrigerante. Reconhecido e apreciado em vários lugares do País, é comercializado tradicionalmente em mercados municipais e feiras.

Pelo quinto ano consecutivo, o alimento será tema do Festival do Pastel, que acontece no Mercado Municipal de Campo Grande. Com uma programação variada, que inclui shows com os músicos convidados Gilson e Jerry Espíndola, duplas sertanejas, bandas e apresentações culturais com os grupos Bate Pé e Taiko, a população pode participar no período de 15 a 23 de outubro, das 7h às 18h, de segunda a sábado, e das 6h às 12h, no domingo.

Segundo dados da Associação dos Comerciantes do Mercadão, estima-se que sejam comercializados 700 pastéis no local, por dia. E apesar das inovações nos sabores, como de pizza, banana, goiabada e carne de jacaré, o presidente da Associação dos Comerciantes do Mercado Municipal de Campo Grande, Ronald Kanashiro, afirma que os mais vendidos continuam sendo os de carne e de queijo.

Durante o festival, haverá destaque para a 6ª Mostra Nikkei Dekassegui, com as empresas que se instalaram em Mato Grosso do Sul. A proposta é apresentar a cultura e as tradições japonesas aliadas à trajetória do Mercadão. São 21 empresas que atuam no estabelecimento, que terão um pouco de suas histórias e de suas famílias narradas em painéis organizados pelo Sebrae.

“O início do Mercadão se deu a partir de uma feira instalada perto da linha férrea, onde os Nikkeis comercializavam hortaliças. E o objetivo da mostra dekassegui acontecer no Mercadão é ressaltar a participação efetiva dos japoneses e descendentes no comércio para o desenvolvimento do local”, explica Ligia Oizumi, analista técnica do Sebrae.

Histórias como a de Rosemary Soken que há uma década está com o Box 31 - Parada Obrigatória, fruto de 11 anos de economias guardadas com o trabalho no Japão. “Estou planejando ampliar o Box e com a previsão de termos aqui uma praça de alimentação poderei atender com mais comodidade e, certamente, resultará no desenvolvimento do meu negócio”, afirma a empresária que atualmente emprega sete funcionários.

O Mercado Municipal Antonio Valente, o Mercadão de Campo Grande, completou 53 anos, dia 30 de agosto. O local é um dos mais tradicionais pontos comerciais e turísticos da cidade. São 144 bancas e 79 Boxes com variedade de recursos hortifrutigranjeiros e peixes da região, contando também com produtos de qualidade e preços mais acessíveis aos consumidores.

O local está inserido no roteiro turístico do City Tour, o que possibilita aos empresários do mercado atender a turistas de diversas partes do mundo, que chegam a Capital.

Serviço - O 5º Festival do Pastel acontece de 15 a 23 de outubro no Mercadão Municipal de Campo Grande, que fica à Rua 7 de Setembro com Avenida Noroeste, 5.500, no centro de Campo Grande. A abertura oficial acontece neste sábado às 9 horas.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


Eu adoro o pastel feito no Mercadão. O que não aceito é a quantidade de pombos vivendo no prédio e nas redondezas. É muito ruim fazer um lanche enquanto as aves circulam entre os consumidors locais e turistas que visitam Campo Grande. Cade o CCZ?
 
Angelo Mateus em 18/10/2011 11:38:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions