A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

23/03/2018 17:28

Agentes vistoriam obras do Aquário do Pantanal e eliminam focos da dengue

Agentes de combate a endemias da Sesau vistoriaram as obras no local pela segunda vez neste ano

Gabriel Neris
Agentes estiveram nesta sexta-feira procurando por focos do Aedes no Aquário do Pantanal (PMCG/Divulgação)Agentes estiveram nesta sexta-feira procurando por focos do Aedes no Aquário do Pantanal (PMCG/Divulgação)

As obras do Aquário do Pantanal receberam o segundo mutirão de limpeza nesta sexta-feira (23), em Campo Grande. Dezoito agentes de combate a endemias da Sesau (Secretria Municipal de Saúde) participaram da ação de combate ao mosquito Aedes aegypti, eliminando cerca de 450 depósitos de água.

Durante a vistoria foram recolhidos 25 sacos de lixo e tratados 20 depósitos com larvicida. A ação faz parte do esforço do CCEV (Coordenadoria de Controles de Endemias Vetoriais) para eliminar criadouros da dengue em prédios públicos.

O primeiro mutirão aconteceu em janeiro. “Estamos trabalhando arduamente no combate ao Aedes e precisamos visitar estes locais para identificar e eliminar focos do mosquito. Finalizado o período chuvoso, esses reservatórios cobertos acumulam água por muito tempo e por isso precisamos tratar com larvicida”, explica Eliasze Guimarães, coordenador do CCEV.

O cuidado em usar o larvicida está ligado diretamente a resistência que o mosquito poderá desenvolver. “Se utilizarmos o produto indiscriminadamente, o Aedes fica imune aos efeitos desejados. Por esse motivo, aplicamos a substância somente nos locais de difícil acesso ou onde a eliminação da água não surtirá efeito, podendo vir a ser novamente um reservatório no futuro”, completou Guimarães.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions