A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019

28/11/2018 18:36

Alunos passam mal após colega espirrar spray de pimenta em sala de aula

Cinco pessoas foram encaminhadas para unidade de saúde da Capital, algumas com dores no peito, cabeça e tosse

Liniker Ribeiro
Fachada da UPA Vila Almeida, em Campo Grande. (Foto: Arquivo)Fachada da UPA Vila Almeida, em Campo Grande. (Foto: Arquivo)

Alunos de uma escola pública da Capital precisaram de atendimento médico, nesta quarta-feira (28), após mal-estar provocado por intoxicação com spray de pimenta. O caso aconteceu na Escola Nagib Raslan, no Jardim Petropolis, e uma aluna do 9º ano é quem teria levado o produto para sala de aula.

Segundo a Semed (Secretaria Municipal de Educação), alguns estudantes apresentaram reação ao produto e precisaram ser levados para a unidade de saúde mais próximo a instituição de ensino, a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Vila Almeida.

Conforme apurado, ao menos cinco pessoas foram atendidas por equipes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Entre os sintomas, os alunos apresentaram dores no peito, na cabeça e tosse.

O spray foi disparado durante a aula, no momento em que os estudantes realizavam uma prova. Em nota, a Semed afirmou ainda que orientou a diretora da escola a registrar um boletim de ocorrência. Os alunos intoxicados foram acompanhados de uma equipe da unidade escolar até a UPA. Os responsáveis pelos estudantes também foram chamados.

Apesar da situação, as aulas na unidade não foram afetadas e prosseguem normalmente no período vespertino, afirma a Semed. Os responsáveis pela aluna que levou o produto para escola serão chamados e todas as medidas estão sendo tomadas seguindo o regimento escolar.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions