A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

17/06/2012 21:47

Após sequestrar dono de açougue, quadrilha é presa no Pioneiros

Paula Maciulevicius

O quarteto estava em um Celta branco e começou a ação no final da tarde. Eles acompanharam quando o dono do comércio saiu do estabelecimento

Três dos quatro presos são de Praia Grande (SP). Fábio, Evandro e William estão presos no Garras, em Campo Grande (Foto: Divulgação)Três dos quatro presos são de Praia Grande (SP). Fábio, Evandro e William estão presos no Garras, em Campo Grande (Foto: Divulgação)

Uma quadrilha foi presa na noite deste domingo, depois de sequestrar o dono de um tradicional açougue do bairro Pioneiros, e fazer uma família refém no bairro Rita Vieira, em Campo Grande. A vítima que vende linguiças já estava sendo monitorada há alguns dias pelos bandidos.

O quarteto estava em um Celta branco e começou a ação no final da tarde. Segundo a Polícia, os bandidos acompanhavam o local quando o dono do comércio saiu do estabelecimento, na rua Ana Luiza de Souza, e o abordaram após ele entrar em uma casa, já no Rita Vieira.

No local estava uma família que foi feita refém. Eles foram amarrados com fios elétricos e cordas. Para a Polícia, o grupo disse que falou às vítimas que só queria o comerciante. O homem acabou entregando que tinha dinheiro na residência e foi então levado pela quadrilha de volta à casa, no carro em que dirige, um C4 Pallas.

Ao chegar na casa, o homem foi agredido e teve o rosto todo machucado. Os bandidos pegaram dinheiro, parte dele em dólar. No deslocamento do Rita Vieira até o Pioneiros, a família feita refém conseguiu se soltar e chamou a Polícia.

Uma viatura da PM foi até a casa onde funciona o comércio e percebeu que os bandidos ainda estavam lá. O reforço foi chamado e a Cigcoe invadiu a casa.

Marcelo, que mora na Capital, é apontado pela polícia como quem planejou a ação criminosa. Ele também está preso no Garras  (Foto: Divulgação)Marcelo, que mora na Capital, é apontado pela polícia como quem planejou a ação criminosa. Ele também está preso no Garras (Foto: Divulgação)

Ao perceber que estavam cercados, a quadrilha acionou os advogados, que indicaram que eles deviam se entregar. Com o quarteto foi pego dinheiro, que ainda está sendo contabilizado, um revólver 38 e uma carabina 44.

As vítimas ainda prestam depoimento à Polícia. A informação que a quadrilha tinha era de que o proprietário do comércio tinha uma grande quantia em dinheiro em casa. Três dos quatro integrantes da quadrilha vieram de Praia Grande, no litoral paulista, e apenas um era da Capital. Ele é Marcelo Batista de Oliveira, de 38 anos, que foi quem planejou toda ação.

Foram presos ainda Fábio Nunes de Almeida, 26 anos, Evandro da Silva Bonani,22 anos e William da Silva Bonani, 23 anos. A quadrilha está presa no Garras.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


isso aconteceu na rua de cima da minha casa, MEU DEUS como pode ter capacidade de fazer isso :s TEM QUE MORRER NA CADEIA .
 
Wanessa Maria em 18/06/2012 11:47:15
Já não bastassem os bandidos de Campo Grande, agora estão vindo bandidos de fora para cometerem crimes em nossa Capital. Isso só pode ser devido ao fato de existir ligações entre as facções criminosas que se comunicam de dentro dos presídios com seus comparsas no país inteiro e isso seria facilmente evitado se fosse bloqueado o sinal de celular nos presídios...
 
GISELLE A. ROSA em 18/06/2012 09:58:13
Realmente, esse Brasil é uma vergonha, o que deveria existir é a pena de morte, não adianta prender mesmo, esses vagabundos não tem medo de prisão, daqui a pouco estão na rua, o câncer do brasil são os drogados sem recuperação, os bandidos que não tem medo das leis, os celulares nos presidios, e o pior de todos: as corrupções nos órgãos publicos....MAS NINGUEM FAZ NADA, O POVO VÊ TUDO ISSO QUIETO!
 
Vitor Henrique em 18/06/2012 09:46:23
??? Nao Entendi Seu Comentario FABIANO SANTOS. Qual a Idéia Entao ?? Deixar Esses Criminosos no Meio da Sociedade ?? Tem Que Prender Eles Numa Fazenda e Eles Plantarem e Produzir o Que Consomem.
 
Gilberto Bras em 18/06/2012 09:33:15
E BRASIL SÓ VC MESMO, ONDE JÁ SE VIU PRENDER BANDIDO, NÃO EXISTE RECUPERAÇÃO, PRENDER NÃO ADIANTA DE NADA, AMANHÃ ESTÃO TODOS SOLTOS....
 
FABIANO SANTOS em 18/06/2012 08:30:45
isso aconteceu comigo a 30 dias atras e um terror mais tudo vem do prezidio local la dentro ta lotado de armas e cel

mais nossas autoridades faz vista grossa e ficou pior depoies que aceitamos o prezidio federal aqui

ainda bem que existe policias serios ainda ciccoe anjos nossos ninguem da valor neles agora não praque serve a federal deve para ganhar mais enquanto os outros trabalha
 
amilton anjos da silva em 18/06/2012 06:04:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions