A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

24/07/2018 11:26

Bando que invadiu casa de médico queria carne e cerveja para festa

Apesar de parecer uma quadrilha organizada, delegado pontuou que os envolvidos decidiram sair para roubar depois que dinheiro da comemoração acabou

Danielle Valentim e Geisy Garnes
Além de trio apresentado, uma adolescente foi apreendida e um quinto envolvido está foragido.  (Foto: Geisy Garnes)Além de trio apresentado, uma adolescente foi apreendida e um quinto envolvido está foragido. (Foto: Geisy Garnes)

Investigadores da Derf (Delegacia de Roubos e Furtos) prenderam três envolvidos e apreenderam uma adolescente de 17 anos, depois da invasão e assalto à casa de um médico legista, na Vila Nascente, em Campo Grande. O crime aconteceu na manhã de sábado (21) e as câmeras de segurança flagraram o momento em que dois suspeitos armados aproveitam o portão de elevação aberto para entrar no imóvel e render as vítimas.

O delegado Rodrigo Yassaka apresentou durante coletiva, Igor da Silva Camargo, o “Brinquedo”, de 23 anos, Gislaine dos Santos Nascimento, a Nane, de 24 anos, e Ricardo Alves Santana, o Baiano, de 29 anos. Apesar de parecer um grupo organizado, Yassaka pontua que os envolvidos decidiram sair para roubar, depois que o dinheiro de uma festa que participavam, acabou.
No último domingo (22), o dono da casa levou até Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) os vídeos das câmeras de segurança, que foram divulgados pelo Campo Grande News.

Depois da repercussão das imagens, Ricardo Alves se apresentou na Depac, durante a madrugada de segunda-feira (23), por volta das 2h, dizendo ser um motorista da Uber e afirmando ter sido rendido por cinco criminosos, duas mulheres e três homens e obrigado a participar do crime.
Os policiais acionaram investigadores da Derf para tomar depoimento do suposto motorista de aplicativo, mas durante oitiva entrou em contradição e confessou a participação.

A partir daí, a polícia descobriu o envolvimento de Igor e de uma adolescente de 17 anos, que estavam em um motel na saída de Cuiabá. Igor foi preso e a garota apreendida. À polícia confessaram que parte dos objetos furtados estava na casa da Gyslaine.

No imóvel, os policiais encontraram dois relógios das vítimas e uma pistola da marca Taurus calibre 380. A jovem confessou que durante o crime ficou dentro do carro e que foi responsável por guardar o revólver e os objetos.

Com os três presos e uma adolescente apreendida, investigadores da Derf descobriram o envolvimento de uma quinta pessoas, que no dia crime teria invadido a casa na companhia de Igor. Ele está foragido e identificado como Douglas Vicente, o GTA, de 29 anos.

Da casa da vítima eles levaram 20 kg de carne, garrafas de cerveja, joias e duas TVs. Na fuga, os bandidos quebraram os televisores, sendo uma abandonada junto ao carro e outra às margens de um córrego. Após o crime, o grupo comemorou com churrasco e cerveja roubados da vítima.

O Uno que aparece nas imagens foi alugado, segundo Ricardo, mas o delegado não encontrou contrato. Além disso, o veículo está no nome de terceiros.

O GTA que continua foragido. (Foto: Geisy Garnes)O "GTA" que continua foragido. (Foto: Geisy Garnes)
Arma usada no crime e que estava na casa de Gislaine. (Foto: Geisy Garnes)Arma usada no crime e que estava na casa de Gislaine. (Foto: Geisy Garnes)

Assista as imagens gravadas pelo circuito de segurança:



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions