A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Agosto de 2019

05/06/2019 16:01

Casal é preso tentando fugir de hospital com filho recém-nascido

Casal é morador de rua e tentou fugir ao ser informado que a criança ficaria em tutela do hospital

Kerolyn Araújo e Liniker Ribeiro
Casal tentou fugir com o bebê recém-nascido na tarde desta quarta-feira (5). (Foto: Liniker Ribeiro)Casal tentou fugir com o bebê recém-nascido na tarde desta quarta-feira (5). (Foto: Liniker Ribeiro)

Um casal, que não teve o nome divulgado, foi preso no início da tarde desta quarta-feira (5) tentando fugir com o filho recém-nascido da Santa Casa de Campo Grande. Marido e mulher são moradores de rua.

Segundo informações do hospital, a mulher, de 24 anos, deu entrada no hospital por volta das 4h, levada pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Ela deu à luz a um menino às 6h53.

Durante exame clínico, a equipe médica descobriu que a mulher já havia dado à luz outras duas vezes. As crianças, porém, foram entregues para adoção.

Como procedimento de praxe, o setor de assistência social do hospital foi informado sobre o caso. Ao casal, a enfermeira Nayara Malaggi disse que a criança ficaria em observação e sob cuidados médicos até que a Justiça fosse informada sobre a decisão deles de permanecer com o recém-nascido.

 

Enfermeiras correram atrás do casal e impediram fuga com o bebê. (Foto: Liniker Ribeiro)Enfermeiras correram atrás do casal e impediram fuga com o bebê. (Foto: Liniker Ribeiro)

Revoltado ao saber que não poderia deixar o local com a filha, o homem discutiu e ameaçou a enfermeira, dizendo que já havia sido preso anteriormente e que nada impediria que ele fosse preso de novo. ''Vou ficar com minha filha. Acho bom liberar para amamentação", teria dito o suspeito.

Após discutir com a enfermeira, o pai pegou a criança do berçário, colocou nos braços da esposa e os dois saíram correndo no terceiro andar do hospital. Nayara e a colega de trabalho, Katiane Pereira, que também estava no local, correram atrás da dupla e, com a ajuda de um policial, conseguiram deter o casal em frente a uma funerária na Rua 13 de Maio.

Durante abordagem, o homem chegou a usar uma régua usada para medir os bebês para ameaçar as enfermeiras. Katiane chegou a ser empurrada pelo suspeito.

A Polícia Militar foi acionada e o casal foi preso. A criança segue internada na Santa Casa e está saudável.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions