ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEGUNDA  01    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Com princípio de incêndio, pacientes são retirados de UPA

Unidade teve que ser evacuada devido a fumaça, após suspeita de curto circuito em ar condicionado

Por Leonardo Rocha e Viviane Oliveira | 07/04/2020 10:34
Upa Vila Almeida, em Campo Grande (Foto: Marcos Maluf)
Upa Vila Almeida, em Campo Grande (Foto: Marcos Maluf)

Um princípio de incêndio na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeida, nesta manhã (07), em Campo Grande, fez com que a unidade fosse isolada, retirando os pacientes que aguardavam atendimento e os funcionários, para prevenção. Ninguém ficou ferido.

Segundo a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), o incêndio começou em um ar condicionado de uma sala que estava desativada, a princípio o Corpo de Bombeiros entende que se tratou de um curto circuito. Por recomendação dos profissionais, a UPA foi evacuada e os pacientes orientados a procurar outra unidade.

Na hora que começou o incêndio, por volta das 9h, tinham 10 pacientes que aguardavam atendimento na recepção, de acordo com a Secretaria (Saúde) não havia (paciente) ninguém na salda de emergência.

Os próprios servidores conseguiram apagar o fogo no aparelho (ar condicionado), mas acionaram os bombeiros por precaução e devido a fumaça que se levantou na unidade. Os funcionários inclusive ficaram na área externa, para evitar este contato (fumaça).

A Sesau também informou que este ar condicionado que pegou fogo era novo e estava no local por apenas uma semana, por isso que a suspeita é de curto circuito, que será avaliada pelos bombeiros. Equipes de manutenção da secretaria também estiveram no local para fazer a devida avaliação.