A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019

08/05/2019 17:52

Condenado, integrante de quadrilha que fez reféns em garagem é preso

Pedro Gabriel ainda é apontado como o autor o assassinato de Thiago Cruz Viçosa Martins em 2015, durante um assalto

Geisy Garnes
Pedro Gabriel foi preso nesta manhã (Foto: Divulgação)Pedro Gabriel foi preso nesta manhã (Foto: Divulgação)

Policiais da Denar (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Narcotráfico) prenderam nesta quarta-feira (8) Pedro Gabriel Matsumoto Cruz de Freitas, o Biel. Ele é condenado por participar do assalto a uma garagem de carros no Bairro Taquarussu, em 2016, e também o autor do assassinato de Thiago Cruz Viçosa Martins, durante um roubo em 2015.

Pedro Gabriel foi julgado em março de 2017 pela participação no assalto a garagem. Ele foi condenado a 7 anos, um mês e 10 dias de reclusão, inicialmente em regime fechado, mas em sete meses progrediu de regime, foi enviado para o semiaberto e dois meses depois, fugiu do presídio.

Acabou preso novamente em janeiro do ano passado, por policiais do Batalhão de Choque, voltou ao presídio, mas fugiu novamente. Nesta manhã foi recapturado pelos policiais da especializada.

Assalto - O roubo a garagem aconteceu no dia 19 de agosto de 2016, na rua Brigadeiro Tobias. Ele e outros quatro comparsas invadiram o local e fizeram cinco pessoas de refém. Fugiram do local com quatro celulares e mais de R$ 3,1 mil, mas acabaram presos em flagrante por policiais do 10º BPM (Batalhão de Polícia Militar).

Latrocínio - Com uma longa ficha criminal, Biel também responde na justiça pela morte de Thiago Cruz Viçosa Martins, durante um assalto em dezembro de 2015. O latrocínio - roubo seguido de morte - aconteceu na madrugada do dia 27 no Bairro Coophamat, quando a vítima e dois amigos saiam da igreja.

No dia 30, o suspeito foi detido após uma troca de tiros com policiais do Choque em uma casa da Rua João Oliveira Machado, no Aero Rancho. Além de Pedro, Fabrício Cosme de Souza, o 'Linguado', de 23 anos e Vinícius Dias Teodoro da Silva, de 16 anos, estavam no local. Os dois últimos foram feridos no tiroteio e morreram no Hospital Regional.

Em depoimento, Pedro confessou ser o autor do disparo que matou Thiago, mas ainda assim ficou pouco tempo preso, foi liberado e preso novamente em agosto, durante o assalto a loja de veículo. Além dos dois crimes, Biel tem passagem por tentativa de roubo, tráfico de drogas, porte ilegal de arma, ameaça e roubo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions