A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/10/2013 17:38

Defensoria pede na Justiça a retirada imediata de pombos na rodoviária

Zana Zaidan

Infestado de pombos, o Terminal Rodoviário de Campo Grande tornou-se alvo de uma Ação Civil Pública na Vara de Direitos Difusos, Coletivo e Individuais Homogêneos que pede, de imediato, a retirada dos pássaros e a instalação de mecanismos que impeçam que eles voltem ao local.

De acordo com a ação, impetrada hoje (10) pela Defensoria Pública do Estado, passageiros da rodoviária correm “iminente risco de saúde”. As fezes dos pombos contêm fungos e bactérias e, depois de secas, liberam partículas que, se respiradas pelo homem, podem transmitir diversas doenças. Entre elas, meningite, alergias, histoplasmose e omitose.

As informações constam de um relatório elaborado pelo CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), a pedido da Defensoria. A ação foi embasada no documento, que também atesta que a rodoviária é alvo de infestação. Outro fator apontado é que os pombos têm facilidade de adaptação e reprodução.

Três motivos são apontados na ação para a infestação: oferta abundante de abrigo (grande quantidade de frestas que simulam perfeitamente o habitat natural das aves), grande quantidade de alimentos (lixo, restos, grãos, farelos etc) e ausência de predadores no ambiente urbano.

“O local todo está infestado. Tanto o prédio maior, onde estão as empresas que vendem passagens, lanchonetes, lojas, sanitários e a sede da administração, quanto nas plataformas de embarque e desembarque. Os animais transitam entre as pessoas, no alto das vigas de sustentação da cobertura, no teto e em todos os demais locais abertos”, afirma o autor da ação, defensor público Amarildo Cabral. “Ainda que seja lavado todos os dias, é possível verificar fezes das aves por todo o Terminal”, acrescenta o defensor.



aqui, no centro comunitário da coophatrabalho é a mesma coisa, a 34 anos. contamos com a interferência imediata do ministério publico.
 
Osvaldo willian da silva em 11/10/2013 10:19:03
Existe no mercado equipamentos que impedem a aproximação e permanência através de emissão de sons que somente elas ouvem .
 
Suzi da Costa em 11/10/2013 06:55:44
Não se pode chamar aquilo de rodoviária. É uma enganação contra o povo de Campo Grande. Na minha opinião, é mal projetada, mal localizada e inadequada. Na verdade, um "pombal", que muito em breve, não comportará mais o movimento crescente de embarques e desembarques.
 
Valter Oliveira em 10/10/2013 21:35:35
E so repelente especifico para pompos. Uso em minha casa e nao ha pompos e tambem to espantando pardais. Fiz este trabalho em um hospital no interior do Estado com resultados muito satisfatório
 
Robson Sanches em 10/10/2013 21:22:03
Não é só a retirada dos pombos que está precisando, também precisa melhorar a qualidade da limpeza do local, não basta limpar apenas o chão, a estrutura de alumínio juntamente com as divisórias de vidro, os assentos, toda a estrutura de sustentação da cobertura e até a área de embarque onde estacionam os ônibus estavam muito sujos da última vez em que estive lá. Depois ainda tem gente que quer comparar a rodoviária com o aeroporto, não tem como!
 
wladimir eudociak em 10/10/2013 21:11:30
Aqui em casa esta infestando, não vejo saida.
 
Mirtes Lourenço Camilo em 10/10/2013 18:54:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions