A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

03/07/2013 11:17

Em dia de protesto, servidores dizem que 90% das comarcas estão paradas

Francisco Júnior e Jéssica Benitez
Servidores lotam a frente do Fórum. (Foto: Cleber Gellio)Servidores lotam a frente do Fórum. (Foto: Cleber Gellio)

Os servidores do Judiciário, em paralisação nesta manhã (3), fazem protesto e lotam a frente do Fórum de Campo Grande. Pelo menos 200 manifestantes, usando camisetas vermelhas e com cartazes, estão concentrados na rua da Paz. O trânsito no local está bloqueado.

De acordo com Nestor Ferreira Leite, vice-presidente do Conselho Geral do Sindijus (Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul), 90% das comarcas do Estado fecharam nesta quarta-feira por conta da mobilização. Segundo o sindicalista, são atendidos apenas os casos de “extrema urgência”. No Estado são ao todo 54 comarcas.

A mobilização espera reunir pelo menos 500 servidores de todo o Estado até às 13 horas em Campo Grande, quando seguirão para frente do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) para dar continuidade ao protesto. Segundo dados do sindicato, o setor do judiciário tem 3,3 mil servidores no Estado.

Na pauta de reivindicações dos grevistas estão o pagamento do adicional por tempo de serviço, denúncia de desvio de função e pedido de reajuste do auxílio-alimentação.

De acordo com o Sindicato, os servidores brigam na Justiça desde 1999 pelo direito ao adicional, que deve ser pago a 1,4 mil servidores, em valores retroativos que vão de R$ 8 mil a R$ 40 mil por servidor.

Quanto ao auxílio-alimentação, os servidores querem que o valor chegue ao menos a R$ 680. Atualmente, eles recebem R$ 412. No final do mês passado, foi publicado no Diário Oficial da Justiça os novos valores do benefício. A partir de julho, o valor será de R$ 475,17. Em agosto, o valor será aumentado para R$ 522,69, mas não é o suficiente para a categoria.

Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


jorge tufas, carla maria e amanda valério, só tenho uma resposta, para dar a vcs: vão estudar, ao invés de ficar falando mal procurem saber qto nós ganhamos e qtos ganha um juiz, a diferença é discrepante. Não estamos pedindo nenhum favor ao Tribunal apenas o que nos foi prometido. Um juiz aposentado continua recebendo vale alimentação de 1000 reais, e da gente é tirado, e sabe qto a gente ganha de vale? Apenas 432 meus caros. Falem, mas falem com conhecimento de causa.
 
MARIVANE PINHEIRO CAVALCANTI em 03/07/2013 19:33:07
Ado ado, cada um no seu quadrado!!
 
Jatanagildo Duarte em 03/07/2013 16:14:45
Meus caros, Jorge Tufas e Carla Maria, se eles estão brigando por isto é porque deve ser direito deles. Se é pra comparar então compare-se ao salário de um gari o que os senhores ganham como salário e vale alimentação. Com certeza, nesta ótica de comparação, os senhores estão chorando de barriga cheia. E nunca precisarão ganhar mais. É isto mesmo? Só quem conhece a realidade de cada categoria pode opinar. Estes servidores, assim como os do MPE e os colegas policiais, são trabalhadores. Em vez de nos atacarmos que tal concentrar estas críticas às várias regalias e salários altíssimos dos políticos que são responsáveis pela desvalorização dos servidores públicos? Fica a dica.
 
Marcos Nunes em 03/07/2013 14:40:06
Palhaçada? Palhaçada é estar descontente como o salário como vocês e ficarem de braços cruzados reclamando em site na internet..... isso sim é palhaçada.
 
Amanda Valério em 03/07/2013 14:25:11
Engraçado... os servidores do mpe trabalham periodo integral 8 horas por dia e ganham o que eles que trabalham meio periodo 6 horas por dia querem ganhar... palhaçada ou não?
 
Carla Maria em 03/07/2013 13:18:07
Fala sério...ganham mais de 400 reais de vale alimentação? sabe qto a polícia começou a receber este ano? 100 reais...não dá pra comprar nem uma coxinha por dia...Sem contar que o expediente do fórum é reduzido.
 
jorge tufas em 03/07/2013 12:58:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions