A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

19/08/2017 13:05

Em evento no CCZ, Marquinhos promete tirar do papel UPA veterinária

Durante evento o prefeito assinou projeto para criar Conselho e Fundo de Bem Estar e Saúde Animal

Mirian Machado
Cãozinho foi adotado durante evento neste sábado (19) no CCZ. (Foto: André Bittar)Cãozinho foi adotado durante evento neste sábado (19) no CCZ. (Foto: André Bittar)

O evento “Campo Grande é o Bicho” que acontece neste sábado (19) no CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) na capital é em comemoração à política nova de atuação do CCZ. O prefeito Marquinhos Trad assinou o projeto para criar o Conselho e o Fundo de Saúde e Bem-Estar Animal. O evento reuniu vários adultos e crianças.

“É de suma importância. Há um discurso de proteção aos animais que o ente público sempre ficou distante e nunca deu atenção necessária que deveria dar, a partir de agora com esse envio de projeto para a câmara municipal, com a criação desse fundo e sobre tudo da retirada do papel da UPA VET, nós temos certeza absoluta que nós vamos dar um grande passo para a proteção dos animais e acima de tudo para a saúde pública”, disse o prefeito.

 

Prefeito fala da importância dos projetos para a população e seus animais (Foto: André Bittar)Prefeito fala da importância dos projetos para a população e seus animais (Foto: André Bittar)

Segundo a coordenadora do CCZ Iara Domingues, o conselho vai funcionar assim como o Conselho Municipal de Saúde, com envolvidos da comunidade, da sociedade formada, grupos formados de Ongs e outros protetores independentes, executivo e legislativo também.

“Juntos deliberaremos quais as ações vamos priorizar, onde vamos investir o nosso dinheiro, em educação, em combate aos maus tratos, em colocar agentes na rua trabalhando essas questões”, afirmou.

Ainda no evento também foi assinado o Fundo da Saúde e Bem-Estar Animal. “Esse fundo municipal, buscar dentro das arrecadações de multas por maus tratos, dentro do meio ambiente que tem uma parte de combate aos maus tratos e crimes ambientais, buscar dinheiro para que a gente trabalhe” concluiu.

Segundo Iara, o cachorro que tem a doença da raiva e leishmaniose é o mesmo que é maltratado, que está abandonado na rua, que foge para rua, o mesmo que se reproduz várias vezes. “Então queremos juntar tudo isso e ter esse local único onde a pessoa vá não só buscar o bem-estar, como a gente trabalhar essa política de bem estar e continuar prestando esse atendimento para a saúde pública veterinária”. Disse.

 

Fila de adoção de animais nesta manhã (19) (Foto: André Bittar)Fila de adoção de animais nesta manhã (19) (Foto: André Bittar)

O evento no estacionamento do CCZ acontece até as 16h e conta com a feira de adoção, teatros, brincadeiras, cortes de cabelo e serviços como vacina antirrábica para cães e gatos.

Sobre a Unidade de Pronto Atendimento Veterinário, o veterinário Francisco Gonçalves que voltou com o projeto para a câmara dos vereadores, disse que o projeto para a primeira UPA veterinária no estado já existe desde 2012 e está sendo estudado porque terá que sofrer algumas adequações.

“Campo Grande hoje está entrando num contexto de proteção animal que já é um programa mundial e hoje está praticamente ganhando um espaço em todo o brasil e a nossa capital hoje passa a fazer parte desse contexto como uma capital moderna, uma capital que realmente pensa no futuro e no bem estar animal, porque o bem estar animal hoje é também saúde pública”, afirmou.

Mega-Sena acumula e pode pagar até R$ 35 milhões no sábado
Nenhuma apostador conseguiu acertar os seis números sorteados pela Mega-Sena, na noite desta quinta-feira (21), e o prêmio acumulou para R$ 35 milhõe...
Prefeitura entrega 26 cadeiras de rodas para alunos da rede municipal amanhã
Com o objetivo de desenvolver ações que assegurem a qualidade de vida e a acessibilidade dos alunos, a Prefeitura de Campo Grande entrega nesta sexta...



Uma pergunta. onde fica esta Unidade de Pronto Atendimento Veterinário, o veterinário Francisco Gonçalves que voltou com o projeto para a câmara dos vereadores, disse que o projeto para a primeira UPA veterinária no estado já existe desde 2012. Pois sei que tem uma na UFMS mas só atende o animais dos familiares da instituição gratuitamente.
 
gedson almeida santos filho em 19/08/2017 22:28:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions