A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

17/06/2015 09:56

Enfermagem anuncia greve a partir de sábado na rede municipal de Saúde

Aline dos Santos

Os profissionais de enfermagem que atendem na rede municipal de saúde de Campo Grande entram em greve no próximo sábado, dia 20, a partir das 6h. De acordo com Hederson Fritz, da Comissão de Negociação dos Trabalhadores da Enfermagem, a paralisação por tempo indeterminado é para cobrar reajuste de 8,5% correspondente à reposição da inflação.

“Estamos tentando negociar desde o fim do ano passado, foram várias tentativas. Mas, na realidade, não sentou nem para conversar”, afirma.

Conforme Fritz, a prefeitura foi informada da mobilização da categoria, que cumpre os protocolos da Lei de Greve. Com a paralisação, o atendimento será diferenciado. Na rede de atenção básica, formada por UBS (Unidade Básica de Saúde) e UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família), a greve será de 100%. Só será aberta exceção para paciente grave.

Nas UPAs (Unidade de Pronto Atendimento), o atendimento será normal nas áreas vermelha e amarela, destinadas a casos de urgência e emergência. Nas classificações verde e azul, será mantido 30% da equipe.

No CRS (Centro Regional de Saúde), a média será de 70% da equipe trabalhando. No Hospital Dia e nos Caps (Centro de Atenção Psicossocial), o percentual cai para 50%.

A organização do atendimento durante a greve será apresentada nesta semana ao Conselho Municipal de Saúde. A rede municipal tem entre 800 e mil profissionais de enfermagem. Neste ano, a população já sofreu com a greve dos médicos.

De acordo com a assessoria de imprensa da prefeitura, não há negociação marcada. A administração municipal informa que só se posicionará a respeito caso a greve se confirme. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions