A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

28/05/2012 20:37

Escola estadual é isolada após suspeita de bomba no Coophavilla II

Nyelder Rodrigues e Paula Maciulevicius
Toda a quadra que fica o colégio foi isolada para vistoria dos militares em busca do artefato suspeito (Foto: João Garrigó)Toda a quadra que fica o colégio foi isolada para vistoria dos militares em busca do artefato suspeito (Foto: João Garrigó)

A Escola Estadual Padre José Scampini, no bairro Coophavilla 2, em Campo Grande, foi evacuada nessa noite por conta de uma ameaça de bomba no local, feita em duas ligações para o Corpo de Bombeiros, por volta das 19h30.

Toda a quadra onde fica o colégio, entre as ruas do Porto e dos Recifes, foi isolada por duas viaturas do Corpo de Bombeiros, três da Polícia Militar (PM) e duas do esquadrão antibombas do Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais).

Um artefato suspeito foi encontrado atrás das salas de aula, em um gramado próximo ao muro do colégio. O objeto era uma sacola plástica colorida, com material não identificado dentro.

Conforme o sargento Wander, do Cigcoe, o objeto foi explodido pelo esquadrão antibombas com uma contracarga que neutraliza o possível explosivo que exista dentro da sacola plástica. A carga é pequena e não oferece grandes riscos.

Procedimento - de acordo o sargento do Cigcoe, quanto a equipe chegou ao local, a direção já havia dispensado os alunos, o que conforme ele não foi o certo, pois assim os possíveis autores acabam indo embora do local.

“Hoje era dia de prova e qualquer um podia ter deixado aquela sacola no local”, explica o sargento. A polícia trabalha com a possibilidade de trote, e vai investigar quem foi o autor.

Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


Muita idiotice, Os Policiais trabalham sério, e os alunos fazem uma sacanagem dessa!
 
Leonardo Falcão em 28/05/2012 11:09:00
Quando estava em uma escola, cadastrei todos orelhões da cidade na central telefônica da escola. Na hora que a telefonista recebia uma comunicação desta, me passava o endereço imediatamente. Com esta rapidez fatalmente encontrava o autor, ou alguem que estava por ali, sabia quem ligou. E pasmem, sempre era época de prova, aluno da própria escola ou amigo e algumas vezes era de orelhões de escola.
 
joao batista em 28/05/2012 09:59:36
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK véi minha escola *-*
 
Caroline Amaral em 28/05/2012 09:49:25
com certeza deve ser trote, mas mesmo assim fica o aviso para as autoridades, mais segurança é o que precisamos. Agora neem estudar nós podemos mais? até quando a sociedade vai ter que viver coagida?
 
keli cristina em 28/05/2012 09:38:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions