A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

18/01/2013 12:50

Ex-policial é preso com 4 kg de pasta base que vendia em casa

Mariana Lopes
Percílio foi exonerado da Polícia Militar por causa de um furto a veículo e hoje foi preso por tráfico de drogas (Fotos: Luciano Muta)Percílio foi exonerado da Polícia Militar por causa de um furto a veículo e hoje foi preso por tráfico de drogas (Fotos: Luciano Muta)
Na casa de Percílio a polícia apreendeu 4 quilos de pasta base de cocaína, uma porção pequena de maconha e petrechos para preparar as paradinhasNa casa de Percílio a polícia apreendeu 4 quilos de pasta base de cocaína, uma porção pequena de maconha e petrechos para preparar as paradinhas

Um ex-policial militar foi preso em flagrante, na madrugada desta sexta-feira (18), enquanto vendia drogas na casa onde mora, na rua Marjori, no bairro Aero Rancho, em Campo Grande. Percílio Alves Barbosa, de 55 anos, estava com 4 quilos de pasta base de cocaína e mais uma porção pequena de maconha.

O flagrante foi feito por policiais da Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos), que investigavam um roubo na região e perceberam o movimento diferente na casa do ex-policial, onde antigamente funcionava um bar.

Ontem, quando os policiais civis passavam em frente à residência, perceberam a presença de um usuário, que imediatamente foi abordado. Ele confessou que havia ido ao local comprar droga para consumo próprio.

Os investigadores da Polícia Civil entraram na casa, onde havia em um dos cômodos toda a droga e petrechos para preparar as paradinhas, como balança de precisão, tesouras e plásticos.

Percílio confessou o crime e foi preso em flagrante. Ele foi encaminhado para a Derf. Ele era soldado e foi expulso da Polícia Militar em 1989, por envolvimento no furto de um veículo. Já na prisão, também por tráfico. A esposa também está presa por tráfico há quatro meses.

De acordo com o delegado titular da Derf, Fabiano Nagata, o ex-policial militar será autuado por tráfico de drogas. O usuário foi detido, prestou depoimento e foi liberado em seguida.



nao concordo com o trafico,acaba com a vida de tantas pessoas , quantos anos sem ver meu pai ,escrevendo para pprogramas de televisao preocurando-o olha a onde eu f ui ve-lo.
 
PRISCILA REGINA RAMALHO BARBOZA em 21/01/2013 20:40:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions