A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Abril de 2019

04/01/2019 11:54

Falta de manutenção deixa praça em bairro nobre com ares de abandono

Na área infantil, a falta de limpeza mostra que o parquinho também está esquecido com cara de abandonado

Viviane Oliveira e Bruna Pasche
Passarelas de madeiras estão quebradas  (Foto: Henrique Kawaminami) Passarelas de madeiras estão quebradas (Foto: Henrique Kawaminami)

Calçadas sujas, falta de limpeza no parquinho, grades do portão e passarela quebradas. A falta de manutenção na Praça Itanhangá, localizada na Rua Chaadi Scaff, no Bairro Itanhangá Park, área nobre de Campo Grande, deixou o espaço, um dos mais bonitos da cidade, com aparência de abandonado. 

Hoje de manhã (4), a equipe de reportagem foi ao local e encontrou até uma fonte desativada com  entulhos, garrafas de bebida alcoólica e sujeira. Caminhando com o cachorro na praça, a empresária Ilda Alves Ferreira, 58 anos, conta que não costuma a frequentar diariamente o local, mas mora no entorno e admira o espaço pela beleza. “Aqui é bonito. Deveriam cuidar mais, porque tem muita coisa deteriorada”, lamenta.

Ela acrescenta ainda que falta iluminação na praça e quando começa a escurecer a área vira um breu. “Parte do dinheiro do arrecadado com IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) deveria ser revertido para a manutenção dos parques”, diz.

Portão foi arrancado (Foto: Henrique Kawaminami) Portão foi arrancado (Foto: Henrique Kawaminami)
O parque também está esquecido com cara de abandonado (Foto: Henrique Kawaminami) O parque também está esquecido com cara de abandonado (Foto: Henrique Kawaminami)
Fonte desativada serviu para guardar entulho e garrafas (Foto: Henrique Kawaminami) Fonte desativada serviu para guardar entulho e garrafas (Foto: Henrique Kawaminami)

Compartilha da mesma opinião, a professora Jeane Teixeira. Ela mora há 12 anos em Caxias do Sul (RS), mas toda vez que vem à cidade aproveita para dar uma volta na praça. “A sensação é de que o parque está cada vez mais abandonado e perigoso em razão do descuido”, lamenta.

Lugar fresco. Gostoso para passear com a família. Foi assim que aposentada Maria Helena Fabrício, 69 anos, descreveu o espaço com academia ao ar livre, quadra de esporte, nascentes com peixes e passarelas. “A prefeitura deveria investir mais em manutenção”, disse. Na área infantil, a falta de limpeza mostra que o parquinho também está esquecido com cara de abandonado. O Campo Grande News entrou em contato com a Prefeitura, mas até o fechamento deste texto não houve retorno.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions