A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Abril de 2019

22/02/2019 14:47

Feirantes e praticantes de esporte reclamam de vândalos na Orla Morena

Atividades físicas e feira que acontecem regularmente no local são recorrentemente prejudicadas por depredação e alguns frequentadores

Tatiana Marin
Oficinas de esportes e feira acontecem regularmente na Orla Morena. (Foto: Kísie Ainoã)Oficinas de esportes e feira acontecem regularmente na Orla Morena. (Foto: Kísie Ainoã)

As atividades esportivas e a feira que acontecem na Orla Morena periodicamente poderiam transcorrer sempre na mesma tranquilidade como a desta quinta-feira (21). Mas nem sempre é assim. Tanto feirantes, como professores e alunos das aulas reclamam da depredação, sujeira e até o mau comportamento de alguns frequentadores.

Ontem as aulas e a feira aconteceram sem problemas, mas segundo uma das professoras que não informou o nome, uma das maiores dificuldades fica por conta das tomadas serem danificadas constantemente. “A Prefeitura manda arrumar, mas eles vem e estragam de novo”, reclama. “Às vezes temos que cancelar as aulas, pois por causa da feira, não temos como ligar o som”, explica.

Compartimento para proteger pontos de energia teve o cadeado danificado. (Foto: Kísie Ainoã)Compartimento para proteger pontos de energia teve o cadeado danificado. (Foto: Kísie Ainoã)

Há um ponto elétrico logo ao lado da Arena, mas vândalos danificam recorrentemente. A Prefeitura providenciou um compartimento com cadeado para proteger a instalação elétrica, mas desta vez o próprio cadeado foi danificado, impedindo que a porta seja aberta. "Eles enfiaram madeira no lugar onde põe a chave e agora não dá pra abrir. Para consertar, vão ter que quebrar tudo", detalha. “A gente acaba trazendo extensão e pede emprestado uma das tomadas da área da feira, mas nem sempre está disponível”, diz a professora.

Uma das alunas, que não quis se identificar, também lamenta. “A gente sai do trabalho querendo vir fazer uma aula para descontrair e relaxar, mas aí acontece isso”, menciona, se referindo ao vandalismo. Outras alunas também reclamam do mau cheiro de urina e o lixo.

Cacos de vidro retirados dos degraus e da arena, deixados por frequentadores. (Foto: Kísie Ainoã)Cacos de vidro retirados dos degraus e da arena, deixados por frequentadores. (Foto: Kísie Ainoã)
Lixo deixado por frequentadores também é um dos problemas do local. (Foto: Kísie Ainoã)Lixo deixado por frequentadores também é um dos problemas do local. (Foto: Kísie Ainoã)

Além destes problemas, professores e alunos contam que constantemente alguns frequentadores quebram garrafas e deixam cacos de vidro nos degraus e na arena, oferecendo risco de ferimentos àqueles que desejam praticar esportes.

Ainda, há reclamações contra pessoas que utilizam o local para fumar narguile. “Além do mau cheiro, eles ficam ocupando o espaço. A gente pede com educação para eles irem para outro lugar somente no horário da aula, mas eles xingam a gente”, conta a professora. “O problema é a falta de educação de algumas pessoas”, enfatiza.

Agentes da Guarda Municipal na Orla Morena nesta quinta-feira (21). (Foto: Kísie Ainoã)Agentes da Guarda Municipal na Orla Morena nesta quinta-feira (21). (Foto: Kísie Ainoã)

Outra questão é a presença de agentes da Guarda Municipal, que segundo elas nem sempre estão no local. “Tem alguns dias que eles voltaram a vir. Mas muitas vezes não temos segurança aqui. Tem drogados, pessoas armadas que vem pra cá”, disse uma das alunas.

Entre os feirantes, os protestos se repetem. “A gente acaba tendo que fumar junto”, brinca seu Francisco Aparecido, de 70 anos. “Tem cliente que vai embora por causa do cheiro”, comenta dona Janete Yoza, de 55 anos. “Quando eles ligam o narguile cai a energia e a gente fica sem ter como trabalhar”, alerta Luciane da Silva Santos, de 43 anos.

Questionada, a Prefeitura de Campo Grande, responsável tanto pelo espaço, as atividades esportivas e a feira enviou nota informando que serviços de reparos e substituição de tomadas, fiações e lâmpadas são realizados semanalmente e que a limpeza é feita pela Solurb duas vezes por semana.

Adicionalmente, a nota enviada ao Campo Grande News diz que são 4 as oficinas gratuitas de esporte e lazer realizadas na Orla Morena, sendo elas Academia ao ar Ar Livre, Grupo de Corrida, Ginástica e Ritmos, e Funcional. Mais de 500 pessoas são beneficiadas pelas oficinas de esportes e lazer no local.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions