ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, DOMINGO  19    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Homens teriam pulado em rio para impedir que barco com crianças virasse

Buscas por vítimas foram retomadas na manhã desta quinta-feira (29)

Por Luana Rodrigues | 29/12/2016 09:26
Familiares dos desaparecidos acompanham buscas, na manhã desta quinta-feira (29). (Fotos: Ricardo Ojeda/ Perfil News).
Familiares dos desaparecidos acompanham buscas, na manhã desta quinta-feira (29). (Fotos: Ricardo Ojeda/ Perfil News).

Os dois homens que desapareceram na tarde de quarta-feira (28) no rio Sucuriú, próximo ao balneário de Três Lagoas - cidade distante 338 quilômetros de Campo Grande – teriam pulado na água para impedir o barco de virar com duas adolescentes de 16 e 14 anos e uma criança de dois anos.

De acordo com informações do tenente Corpo de Bombeiros, Waldevino Gomes Pinheiro , o empresário André da Nobrega Sãovesso, 33 anos, e o funcionário dele, Julio César Sarati, 35 anos, estavam com as filhas, quando a embarcação começou a balançar, por conta de uma rajada de ventos.

Para evitar que a embarcação virasse, os dois teriam pulado no rio, quando a correnteza ficou mais forte e os dois sumiram nas águas.”Ainda não temos a confirmação se algum deles estava de colete, o que se sabe é que os dois sumiram no rio e as meninas ficaram no barco a deriva”, conta.

Ainda conforme o tenente, três bombeiros continuam com as buscas no rio. Familiares também acompanham a procura, ainda sem sucesso.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário