A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Abril de 2019

30/11/2018 23:54

Jovem acorda amarrado no Parque dos Poderes e diz ter sido feito refém

Outras duas vítimas, cujo o paradeiro não se sabe teriam sido mantidas nas mesmas condições

Adriano Fernandes
Ocorrências da Depac Centro estão sendo registrada na 2ª Delegacia de Polícia Civil. (Foto: Paulo Francis)Ocorrências da Depac Centro estão sendo registrada na 2ª Delegacia de Polícia Civil. (Foto: Paulo Francis)

Um jovem, de 25 anos, procurou a polícia na noite desta sexta-feira (1º) contando que foi feito refém por três bandidos em um cativeiro e em seguida sido abandonado desacordado na região do Parque dos Poderes em Campo Grande, no final desta tarde. 

Outras duas pessoas, ainda não localizadas teriam sido mantidas nas mesmas condições, sobre constantes agressões e ameaças. De acordo com o registro policial sobre o caso, o jovem teria sido abordado por três suspeitos que estavam em um camionete, branca, enquanto caminhava na Rua Acrópole, próximo a um mercado na Vila Danúbio Azul, por volta da meia-noite.

Dois dos criminosos que estariam encapuzados e de boné teriam descido, dito para que ele não corresse e colocado um saco em sua cabeça. Ainda de acordo com o rapaz as suas mãos e pernas teriam sido amarradas e ele sido jogado na carroceria da caminhonete, onde já haviam outras duas pessoas na carroceria.

O trio então os teria levado até uma região afastada, próximo do Parque dos Poderes. Lá, “em uma cabana de madeira e coberta de telha romana”, os criminosos desembarcaram as três vítimas para dentro e iniciaram uma seção de tortura.

Um dos bandidos lhe deu alguns socos e perguntou onde estava o dinheiro, mas um outro comparsa teria alertado sequestrador de que haviam pego a pessoa errada. Com isso um dos criminosos preparou um coquetel com bebida alcoólica e outras substâncias numa garrafa descartável e o obrigou a beber até a vítima perder a consciência.

Antes de desmaiar, o jovem disse aos policiais ter visto o trio agredindo as outras duas vítimas de forma bastante truculenta, exigindo que eles falassem onde estava o dinheiro. Toda a ação, até a hora em que a vítima ficou desacordada teria ocorrido entre 00h e 1h desta sexta-feira (30).

Depois que ele perdeu a consciência o rapaz conta que só acordou por volta das 17h30 próximo do Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado), numa estrada de terra, onde pessoas jogam lixo, com as mãos amarradas e sozinho. Ele então teria conseguido se soltar e ido embora para sua residência.

O jovem ainda contou que os bandidos não teriam lhe roubado nada. Ambos os suspeitos aparentavam ter menos de 20 anos e eram brancos. Apesar da situação, na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, onde registrou o boletim de ocorrência o jovem que teria tido apenas escoriações, se recusou a fazer exame de corpo de delito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions