A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

24/08/2012 17:10

Mãe viaja e filha de 10 anos é encontrada em casa com 7 usuários de droga

Nadyenka Castro e Luciana Brazil

Mulher foi fazer compras em Ponta Porã. Menina fala que ficou na residência de uma amiga

Residência onde situação foi flagrada. (Fotos: Rodrigo Pazinato)Residência onde situação foi flagrada. (Fotos: Rodrigo Pazinato)
Maconha encontrada com os sete adolescentes, todos usuários, de acordo com a Polícia.Maconha encontrada com os sete adolescentes, todos usuários, de acordo com a Polícia.

Menina de 10 anos foi encontrada em casa com sete menores de idade, usuários de maconha, na tarde desta sexta-feira, no Jardim Colibri, em Campo Grande. A mãe da garota, de 29 anos, está em viagem há quatro dias.

Policiais da 4ª Delegacia Polícia Civil receberam denúncia de que uma mulher tinha viajado e deixado a filha sozinha em casa. Eles foram ao endereço informado e no imóvel de dois comôdos encontraram a menina e sete adolescentes – com idades entre 15 e 17 anos -.

Com os adolescentes foram encontradas pequenas quantidades de maconha e com um deles até uma porção maior. De acordo com a Polícia Civil, todos são usuários da droga.

Ao Campo Grande News, a menina contou que a mãe viajou no dia 20 (segunda-feira) para Ponta Porã. Segundo a criança, a mãe viaja frequentemente para comprar roupas para revender na Capital.

A garota disse que quando a mãe viaja costuma ficar com a avó, que mora no mesmo bairro, com o pai ou ainda na casa de uma amiga de 15 anos, na mesma rua. Desta vez, ficou com a amiga e nesta sexta-feira foi para sua residência.

A menina é estudante do 5º ano, afirma que não é usuária de drogas e nem foi abusada sexualmente pelos garotos, um deles namorado da amiga. Um dos meninos estava com mandado de busca e aprensão em aberto.

A casa onde houve o flagrante está suja e vizinhos afirmam que a garota costuma ficar sozinha no local. O bisavô dela, de 86 anos, também afirmou que a garota é deixada na residência sem vigilância de adulto. Ela tem mais dois irmãos menores de idade, que ficam com a avó.

A garota foi encaminhada para o Conselho Tutelar e os adolescentes para a Deaij (Delegacia de Atendimento à Infância e à Juventude).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions