A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

29/04/2011 09:10

Metade das escolas da Capital está com atividades paralisadas nesta sexta

Vivianne Nunes
Recado na porta de escola avisa sobre paralisação (Foto: João Garrigó)Recado na porta de escola avisa sobre paralisação (Foto: João Garrigó)

Pelo menos 50% das escolas da rede municipal de ensino da Capital não tiveram aulas nesta sexta-feira. A informação é do vice-presidente da ACP (Associação de Profissionais de Educação Pública em Campo Grande), Amarildo Sanches da Silva e contraria a afirmação do prefeito Nelson Trad Filho que garantiu as aulas para hoje.

A reportagem do Campo Grande News manteve contato telefônico com 13 escolas. Destas, oito afirmaram que não tiveram aulas na manhã de hoje e não terão à tarde.

Sanches explicou que ontem, durante assembleia geral, foi repassado no plenário que a categoria iria se manter em assembleia nesta sexta-feira.

A assessoria de imprensa da prefeitura afirma que não houve aviso oficial sobre a paralisação.

As escolas garantem que as aulas serão repostas.

Ontem, foi prefeito foi recebido na ACP por cerca de 400 professores que debatem reajuste salarial. Trad afirmou que no sábado irá apresentar nova proposta de aumento a categoria.

Confirma o nome das escolas pesquisadas pelo Campo Grande News

E.M. Ondeida Ramos - portas fechadas no período matutino.

E.M. Gonçalina Faustina - portas fechadas durante os dois períodos

E.M Arlindo Lima - funcionamento normal

E.M. Danda Nunes - funcionamento normal

E.M. Tertuliano Meirelles - portas fechadas durante os dois períodos

E.M Benfica - portas fechadas durante os dois períodos

E.M. Franco Baís - portas fechadas durante os dois períodos

E.M. Carlos Vilhalva - portas fechadas durante os dois períodos

E.M. Consulesa Margarida Maksoud Trad - portas fechadas durante os dois

períodos

E.M. Coronel Antonino - funcionamento normal

E.M. Doutor Eduardo Olímpio - portas fechadas durante os dois períodos

E.M. Doutor Plínio Barbosa Martins - funcionamento normal

E. M. Professor Plínio Mendes dos Santos - funcionamento normal

De família de escritores, médico lança amanhã livro com poemas
O renomado psiquiatra Marcos Estevão lança nesta quinta-feira (14) em Campo Grande o livro de poesias "Pedaços de Mim", que é um compilado de poemas....
Renegociação de dívidas com a Águas Guariroba pode ser feita até o dia 29
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...


Gostaria de reiterar que a ACP e os professores não adotaram nenhuma postura ilegal. Estamos reivindicando melhorias salariais e melhores condições de trabalho. Não preciso citar aqui a precariedade das escolas, das condições de trabalho e os índices de violência que só aumentam. É direito do trabalhador lutar por melhorias salarias, entre outras. E reitero também que NENHUM ALUNO SERÁ PREJUDICADO, pois nós professores sabemos de nossas RESPONSABILIDADES e as aulas "perdidas" serão todas REPOSTAS.
 
Luciana Correa em 29/04/2011 12:58:32
a ta muito bonito vcs , depois vem repor aulas aos sabados, de jeito nenhum. pouca vergonha...
 
carla veloso em 29/04/2011 11:03:43
É lamentável como é tratado a questão salarial dos professores ........
 
paulo roberto marques pereira em 29/04/2011 10:58:53
Se a escola não quer parar com as atividades, significa que os professores e funcionários em geral, estão satisfeitos com o que ganha. Nao quer e não precisa de aumento salarial.
Essas pessoas são as que mais precisam de aumento e não tem coragem para unir forças para melhorar a situação.
 
Isaias Avila de Paula em 29/04/2011 10:47:38
Poxa, que falta de complacência! O prefeito garantiu que no sábado iria conversar com os professores, não há razão para paralização hoje. Os estudantes estão sendo prejudicados por um radicalismo desnecessário. Eu acho que os professores tem todo direito de reclamar pelo salário, mas o prefeito já disse que os encontraria com uma melhor proposta no sábado, amanhã... Paralizar por quê? Acho que é uma demonstração de força completamente desnecessária!
 
Rita de Cássia Morais em 29/04/2011 10:09:22
A Iracema Maria Vicente também estava fechada hoje cedo e não teve aula.
 
Gustavo Fernandes Rodrigues em 29/04/2011 10:09:15
Torço para que a classe consiga seu objetivo, pois mesmo tendo deixado esta profissão, tenho muito amigos e parentes que são educadores.
Enquanto a mentalidade reduzida de todos não tratar a educação como deve ser realmente, ficarão se reunindo quinta e sexta na ACP e batendo palmas para aqueles que estrangulam o salário do professor ano a ano...
 
Antônio Marcos Alencar em 29/04/2011 02:06:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions