A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 15 de Setembro de 2019

28/10/2014 13:25

Ministro entregará 313 casas a moradores de favelas na sexta-feira

Kleber Clajus
Visita de Gilberto Occhi foi adiantada pelo prefeito da Capital (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)Visita de Gilberto Occhi foi adiantada pelo prefeito da Capital (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

O ministro das Cidades, Gilberto Magalhães Occhi, deve participar na sexta-feira (31) da entrega de 313 unidades habitacionais para moradores de quatro favelas de Campo Grande. A informação foi confirmada pelo prefeito Gilmar Olarte (PP)

“O ministro, que é do meu partido, virá para entregar as casas na sexta-feira, a partir das 10h. Vai ser uma festa muito grande”, assegurou Olarte ao Campo Grande News.

A solenidade inclui a entrega dos residenciais Ary Abussafi e Gregório Corrêa, que fazem parte de programa de reassentamento realizado pela Emha (Empresa Municipal de Habitação). Dessa forma, trocam os barracos por casas 143 famílias da favela da Portelinha, 23 da Marquês de Herval, 54 da Morada Verde, 38 da Montevidéu e 69 de outras áreas invadidas na Capital.

Em setembro, os beneficiados participaram de sorteio de localização dos imóveis nos residenciais. O contrato com a Caixa Econômica Federal, no entanto, deve ser assinado com o recebimento das chaves e fica proibida a venda ou aluguel da casa por período de 10 anos.

As unidades habitacionais, com 42 metros quadrados, possuem dois quartos, sala, banheiro, cozinha e área de serviço, além de sistema de aquecimento solar da água do chuveiro para auxiliar na economia de energia elétrica. Cada imóvel teve custo de R$ 60 mil e os novos moradores não precisarão pagar por eles.

Foram priorizadas pela Emha, favelas situadas na região norte de Campo Grande que estão em áreas públicas reservadas a abertura de ruas, equipamentos públicos ou reivindicadas na Justiça pelos proprietários. No total, foram investidos nos residenciais R$ 27,4 milhões, sendo R$ 18,7 milhões provenientes do Governo Federal, R$ 7,9 milhões de contrapartida municipal e R$ 749 mil do Governo do Estado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions