A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

02/02/2018 08:42

Morto a facadas era de Sidrolândia e tinha várias passagens pela polícia

O rapaz era fichado por roubo, furto, lesão corporal e dano ao patrimônio por ter danificado um telefone público

Viviane Oliveira e Bruna Kaspary
Roupas e machas de sangue ficaram na caçada de uma livraria, na Rua 14 de julho, onde a vítima foi encontrada morta (Foto: André Bittar) Roupas e machas de sangue ficaram na caçada de uma livraria, na Rua 14 de julho, onde a vítima foi encontrada morta (Foto: André Bittar)

Diogo Henrique da Silva, 26 anos, morto a golpes de faca, na madrugada desta sexta-feira (2), no cruzamento das ruas Lydia Bais com a 15 de novembro, no Centro de Campo Grande, tinha várias passagens pela polícia, era de Sidrolândia, mas há anos vivia nas ruas da Capital.

O rapaz era fichado por roubo, furto, lesão corporal e dano ao patrimônio por ter danificado um telefone público na Rua Barão do Rio Branco. Diogo ainda respondia a processo por violência doméstica a mulher registrada em 2015, segundo informações contidas no site do Tribunal de Justiça. 

Crime - Conforme boletim de ocorrência, Diogo foi ferido na praça da igreja Santo Antônio, mas tentou fugir e foi encontrado morto na Rua 14 de Julho em frente a uma livraria com ferimentos na região torácica.

Duas facas foram localizadas, uma próximo ao corpo com manchas de sangue. A outra, aparentemente limpa, foi achada na Rua 15 de Novembro em frente à Praça Ary Coelho. Os objetos foram apreendidos para perícia.

O autor do crime, segundo testemunhas relataram à polícia, é um homem conhecido como Corumbá, que está foragido. Morador de um prédio na região ouviu a vítima chamar por socorro e como tem curso de socorrista, tentou ajudá-la, mas sem sucesso.

Violência - Esse é mais um dos frequentes casos de violência registrados nessa região da cidade. Comerciantes e trabalhadores do entorno fazem constantemente reclamações sobre a segurança do local. Além de abrigar usuários de drogas e moradores de rua, a redondeza é um dos pontos mais movimentados de prostituição. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions