A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

02/10/2011 11:03

Na rede estadual, cada escola licita a merenda, diz secretária de Educação

Edmir Conceição e Paula Maciulevicius

O caso da intoxicação de 180 alunos de escola municipal de período integral no bairro Rita Vieira, em Campo Grande, na semana passada, não muda a rede alimentar nas escolas estaduais, segundo a secretária de Educação Nilene Badeca. Segundo ela, o sistema de compra do Estado é diferente da Capital.

A alimentação nas escolas estaduais é administrada pelas próprias direções. A merenda é descentralizada e cada escola faz a licitação. O governo faz apenas o repasse dos recursos. “Nós disponibilizamos o manual de orientação em cima da escolha do cardápio, e duas nutricionistas trabalham na orientação e no encaminhamento deste cardápio”.

Sobre o caso de intoxicação na Capital, a secretária disse que ‘foi uma fatalidade, não se sabe o que aconteceu e pode acontecer em qualquer escola. Com isso é preciso redobrar todo o cuidado’.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions