ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  26    CAMPO GRANDE 28º

Capital

“Não consegui dormir”, diz professora após três árvores destruírem muro e carros

Árvores de grande porte estavam em canteiro central de avenida; ninguém ficou ferido

Por Adriel Mattos | 16/10/2021 08:15
Árvores também estão obstruindo avenida. (Foto: Kísie Ainoã)
Árvores também estão obstruindo avenida. (Foto: Kísie Ainoã)

A noite da família da professora Elizângela Lima Simões, de 29 anos, foi de inquietação após três árvores caírem sobre o muro e dois carros em sua casa na Vila Alba, em Campo Grande. A tempestade de sexta-feira (15) registrou ventos de 94 km/h.

“Eu não consegui dormir à noite. Estamos muito abalados”, contou ao Campo Grande News. As três árvores estavam no canteiro central da Avenida Madri, mas pelo porte, atingiram parte da residência.

Além do muro, dois carros, uma caminhonete Chevrolet Montana e um veículo Celta, foram atingidos. “Graças a Deus não tinha crianças no quintal brincando”, frisou Elizângela, que tem dois filhos.

Marido da professora, Humberto Lacerda disse que chegou em casa momentos antes das árvores caírem. “Cheguei em casa e vi que o tempo estava muito feio. Quando cruzei a porta e olhei pela janela, vi as árvores caindo”, lembrou.

Lacerda disse ainda que havia solicitado à prefeitura autorização para cortar duas das três árvores. “Não temos como sair ainda. Mas quando cortarem as árvores, vamos ficar vulneráveis sem o muro”, afirmou.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário