ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Nos blocos, 80% dos atendimentos médicos foram por causa do calor

Maior parte dos socorros prestados pela Cruz Vermelha em blocos de Carnaval foi por desmaios e mal-estar

Por Mylena Fraiha | 12/02/2024 14:15
Com ponto de apoio da Cruz Vermelha ao lado, foliões curtem Carnaval em bloco de rua da Capital (Foto: Juliano Almeida)
Com ponto de apoio da Cruz Vermelha ao lado, foliões curtem Carnaval em bloco de rua da Capital (Foto: Juliano Almeida)

Em dois dias de Carnaval, 80% dos socorros prestados pela Cruz Vermelha em 2024 foram para tratar de desmaios ou mal-estar provocados pelas altas temperaturas, conforme levantamento divulgado pela instituição nesta segunda-feira (12).

Mesmo com chuvas rápidas, o calor esteve presente neste Carnaval. Conforme indicado pela previsão do tempo do Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), em Campo Grande, a temperatura máxima alcançou até 33°C nos últimos dois dias.

“Essa situação reforça a importância de manter uma hidratação adequada e de usar roupas leves para enfrentar o calor intenso. A prevenção é fundamental para garantir a segurança e o bem-estar de todos durante as festividades”, explica a presidente da Cruz Vermelha de MS, Aline Tagliaferro.

Entretanto, a instituição aponta que o Carnaval deste ano foi marcado por um ambiente mais seguro e organizado, com um policiamento reforçado e uma maior conscientização por parte dos foliões.

De acordo com a Cruz Vermelha, a existência de alternativas de festividades em diferentes pontos da cidade também contribuiu para reduzir as aglomerações na esplanada, o que resultou em uma menor demanda por atendimentos da Cruz Vermelha.

Embriaguez - Também foi observada pela Cruz Vermelha uma maior conscientização e fiscalização em relação ao consumo de bebida alcoólica, especialmente entre menores de idade.

Em comparação com anos anteriores, em que 90% dos atendimentos da Cruz Vermelha estavam relacionados a adolescentes embriagados, este ano foi notada uma redução expressiva nesse tipo de ocorrência. “Dos 57 atendimentos realizados, apenas um caso de menor alcoolizado foi registrado até o momento”, explicou Aline.

Pontos de atendimento - Durante o período do Carnaval, a Cruz Vermelha Brasileira de Mato Grosso do Sul tem disponibilizado quatro pontos de atendimento, oferecendo primeiros socorros e outros serviços de saúde aos foliões da Capital, na Esplanada Ferroviária. Com o apoio de 50 voluntários, os atendimentos foram realizados também por meio do "Busão da Saúde”.

Os pontos de atendimento estiveram localizados na Rua General Melo, abaixo do Bar Zé Carioca; na Rua Dr. Temístocles, na calçada do Monumento Maria Fumaça; na Av. Mato Grosso com a Av. Calógeras; e próximo ao palco do Capivara Blasé, durante a matinê infantil Capivarinhas.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias