ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, DOMINGO  23    CAMPO GRANDE 26º

Capital

"Nunca nem vi": população diz que não tem visto ônibus novos pela cidade

Em julho, Prefeitura de Campo Grande entregou 71 veículos novos

Por Izabela Cavalcanti e Idaicy Solano | 01/11/2023 12:19
Usuários entram no ônibus de linha 412, que passa na Avenida Afonso Pena (Foto: Paulo Francis)
Usuários entram no ônibus de linha 412, que passa na Avenida Afonso Pena (Foto: Paulo Francis)

Após 4 meses da entrega de ônibus em Campo Grande, há aqueles que ainda não conseguiram pegar “carona” na frota nova. Em julho, a prefeitura realizou a entrega de 71 ônibus para a população.

O número representa substituição de 15% do total de 473 veículos, com contrato de 5 anos. Cada um tem capacidade para 40 passageiros sentados e não possuem ar-condicionado.

Apesar da percepção dos usuários, o diretor do Consórcio Guaicurus, João Rezende, se defende dizendo que todos estão em circulação. “Os ônibus novos incorporados na frota estão todos operando, de acordo com a programação de ordens de serviço da Agetran. Não há distinção de determinada linha em específico”, justificou.

A doméstica Maria Célia Batista, de 61 anos, é um exemplo de quem ainda não conseguiu usufruir. "Eu não sei onde passa o ônibus novo porque até agora eu não andei em nenhum deles. Semana retrasada cheguei a cortar minha perna no ônibus. O transporte público é péssimo", lamenta.

No Terminal Hercules Maymone, Maria diz que nunca pegou ônibus novo (Foto: Idaicy Solano)
No Terminal Hercules Maymone, Maria diz que nunca pegou ônibus novo (Foto: Idaicy Solano)

A pensionista Antônia da Silva, de 72 anos, estava à espera da linha que vai para o bairro Noroeste. Ela diz que a qualidade continua a mesma. “Nunca nem vi. Se é novo ou não, eu não sei, mas que é repintado, é. É tudo o mesmo ônibus, eles só passam uma tinta para dizer que é novo”, disse.

Já a doméstica Neide Mendes, de 51 anos, diz que viu um ônibus só rodando pela cidade e acredita que a demanda é grande. “É muito pouco. É irrisório. A gente não vê. Eu até vi um, mas bem pouco em vista do que eles falaram. Por exemplo, eu tenho uma dinâmica de vir do Terminal Júlio de Castilho para o Hercules Maymone, de repente colocaram no General Osório, colocaram no Guaicurus. No meu bairro, o Nova Campo Grande, a frota é mais antiga", pontua.

Ônibus novos parados no pátio do Consórcio Guaicurus, em junho deste ano (Foto: Marcos Maluf)
Ônibus novos parados no pátio do Consórcio Guaicurus, em junho deste ano (Foto: Marcos Maluf)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias