A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/09/2015 10:56

Padre é afastado pela igreja após engravidar coroinha de 16 anos

Filipe Prado
O padre Jocerlei José Tavares
foi afastado do exercício do sacerdócio. (Foto: Fernando Antunes)O padre Jocerlei José Tavares foi afastado do exercício do sacerdócio. (Foto: Fernando Antunes)

O padre Jocerlei José Tavares, vigário da Paróquia Santa Rita de Cássia, no Bairro Universitário, engravidou uma menina de 16 anos depois de manter relacionamento em segredo por nove meses. A menina confessou o abuso, após ser levada à Santa Casa com suspeita de insuficiência renal, porque os pés e abdômen estavam inchados.

De acordo com o registro da polícia, a mãe da vítima levou a adolescente até a Santa Casa no dia 23 deste mês. A garota estava inchada, então a mãe desconfiou de problemas renais, mas ao chegar ao hospital, a vítima contou que foi estuprada por um motociclista, porém não sabia quem era.

Elas foram até a Depca (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente) para registrar a ocorrência. Durante todo o depoimento a menina sustentou a versão de estupro, apontando que conversaria sobre o caso com a mãe, quando chegasse em casa.

Na residência ela foi pressionada pelos irmãos e os pais para contar a verdade, quando revelou que o suspeito seria próximo a família e frequentava a igreja. Com isso a irmã da menina sugeriu o nome do padre, sendo confirmado pela adolescente.

A irmã contou a mãe que há alguns meses, Jocerlei enviou uma mensagem pelo aplicativo Whatsapp. A menina disse que o vigário pediu para ela enviar uma foto, porém ela se recusou. Este pedido que levantou a suspeita da irmã de que o religioso poderia ser o responsável pela gravidez.

A adolescente, que era coroinha da igreja, alegou estar apaixonada pelo padre e estava se relacionando desde fevereiro deste ano com o acusado. Ela não relatou onde seriam os encontros amorosos, mas garantiu que era virgem antes do namoro.

A Arquidiocese de Campo Grande emitiu nota confirmando a gravidez da adolescente. O arcebispo metropolitano, Dom Dimas Lara Barbosa, informou que o sacerdote foi afastado do exercício público do ministério e irá prestar todos os esclarecimentos à polícia. Também frisou que vai ser dada assistência à adolescente e ao bebê.

O arcebispo e o superior Provincial, padre Edgar Ertl, afirmaram que só tiveram conhecimento dos fatos nos últimos dias.

O caso também segue sob investigação da DEPCA. O padre não foi localizado para comentar o assunto.

Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...
Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...


Ezequiel, você esta certo, foi mal colocado o comentário, e mediante o erro tentei excluir o comentário infeliz porém, não consegui. Mais diante mão a todos que lerem minhas desculpa por tal comentário.
 
lili em 29/09/2015 16:40:54
Prezada Lili, da mesma forma que ninguém pode julgar alguém sem ter o verdadeiro conhecimento do fato, também, ninguém o direito de acusar ninguém sem saber sem conhecimento de causa. Portanto, você jamais poderia fazer qualquer tipo de insinuação caluniosa contra a menor, inclusive dando a entender que o pai da criança, poderá ser parentes ou até mesmo animais. A maneira mais sabia de defender alguém, é fazê-la sem atacar ninguém.
 
Ezequiel em 29/09/2015 15:54:40
CUIDADO EM QUEM VOCÊ CONFIA. LEMBRE-SE QUE O DIABO JÁ FOI UM ANJO.
 
Alex André de Souza em 29/09/2015 15:30:34
Muito fácil vir julgar, até que se prove o contrario ninguém tem o direto de apontar o dedo... e o fato do mesmo ser padre não o torna pior nem melhor que ninguém ... conheço pastores que abusa do seu poder de manipulação para ter relações com jovens virgens da congregação .... quero dizer que seja quem for, sendo "homem" estão sujeitos a erros
 
lili em 29/09/2015 14:18:17
Conheci o mesmo, sei que não da pra confiar hoje em dia mais em ninguém, mais ninguém tem o direto de vir e julgar o mesmo, primeiro a garota fala de um motoqueiro depois joga pra cima do padre... daqui a pouco a mesma confessa que foi o pai, irmão, tio, papagaio e cachorro ... Até que seja provado ninguém tem o direto de apontar...
 
lili em 29/09/2015 14:14:30
Mais um padre pilantra, a igreja catolica tem que selecionar mais esse povo...
 
Max em 29/09/2015 13:40:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions