A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/04/2011 17:28

Para pagar dívidas com facção, ex-presidiários roubam caminhão

Nadyenka Castro

Um deles era foragido

Para pagar dívidas com a facção criminosa PCC, dois ex-presidiários roubaram um caminhão no último dia 11, em Campo Grande, e foram presos poucas horas depois.

Gian Carlos Barbosa da Silva, 34 anos, e Ari Marques Penha, 54 anos, fingiram ser clientes e contrataram um serviço de frete.

Quando se deslocavam, junto com o fretista, para o local onde seria pego os supostos móveis, renderam o motorista.

A abordagem aconteceu na BR-262, saída para Aquidauana. Gian assumiu a direção do veículo e quando chegaram em Terenos, a vítima foi deixada amarrada à uma árvore.

O motorista conseguiu se soltar e avisou a Polícia, que conseguiu prender os autores em Dois Irmãos do Buriti.

Ao ser autuado, Gian mentiu o nome, se identificando como Leandro Garcia. A mentira foi descoberta pela Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos), que, de acordo com o delegado Alberto Vieira Rossi, adotou a política de buscar em municípios do interior presos por roubos de veículos e continuar a investigação.

Foi verificado que Gian estava em liberdade condicional e que Ari era foragido do Centro Penal Agroindustrial da Gameleira. Eles declararam que roubaram o veículo para ser vendido na Bolívia e com o dinheiro iriam pagar dívidas com o PCC.

De acordo com o delegado Alberto Rossi, este é o terceiro caso de presos que mentem nome ao serem autuados em municípios do interior. Eles mentem no momento do flagrante e quando são levados para a Defurv, para continuação da investigação, é descoberta a verdadeira identidade.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions