ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SÁBADO  28    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Pit bull escapa de residência e ataca estudante em ponto de ônibus

Por Viviane Oliveira | 23/02/2017 08:00
Mordidas e arranhadas nas costas da estudante (Foto: direto das ruas)
Mordidas e arranhadas nas costas da estudante (Foto: direto das ruas)

Jovem de 19 anos sofreu ferimentos graves após ser atacada por um pit bull, no ponto de ônibus, por volta das 19h de quarta-feira (22), na Rua Luiz Charbel, no Jardim Mansur, em Campo Grande. A estudante ficou com vários cortes e foi socorrida por um policial do Batalhão de Choque da Polícia Militar, que estava de folga.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima aguardava o ônibus de transporte urbano, quando foi atacada pelo cachorro, que escapou de uma residência. Um policial do Batalhão de Choque, que mora próximo, ouviu pedidos de socorro e foi até o local.

Ao ver o ataque, o PM entrou na frente da moça e conseguiu afastar o cão sem precisar atirar no animal. Em seguida, o proprietário do pit bull recolheu o animal e o levou para a casa. O Corpo de Bombeiros foi acionado e socorreu a estudante, que foi mordida no rosto, braço e costas. Ela foi encaminhada para o Prontomed da Santa Casa, onde foi medicada e liberada.

O rapaz de 20 anos, dono do animal, foi levado à delegacia para prestar esclarecimento. Ele relatou que chegou à residência e antes de entrar com o carro, abriu o portão e colocou o cachorro em um cercado. Ao voltar para o veículo e entrar na garagem, o animal escapou e foi para a rua.

Em janeiro, foi registrada uma situação semelhante no Bairro Moreninha IV. Um cão, também da raça pit bull, escapou da casa de seus donos, entrou no quintal do vizinho e matou um pinscher de estimação.

Nos siga no Google Notícias