A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

09/08/2013 06:42

Polícia faz ação para prender compradores de fornecedora de cocaína da Capital

Francisco Júnior e Graziela Rezende
Operação visa cumprir cinco mandados de busca e apreensão. (Foto: Marcos Ermínio)Operação visa cumprir cinco mandados de busca e apreensão. (Foto: Marcos Ermínio)

A Polícia Civil deflagrou nesta manhã uma operação para cumprir cinco mandados de busca e apreensão. O objetivo é coibir o tráfico de drogas em vários pontos de Campo Grande. O alvo é localizar os compradores da maior fornecedora de drogas, em torno de um quilo de pasta base por dia na Capital. Esta traficante já foi presa em Junho deste ano, no bairro Aero Rancho, região Sul da cidade.

Participam da ação 24 policiais da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), 5ª Delegacia e Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros).

De acordo com o delegado João Paulo Sartori, a ação foi desencadeada após a prisão de uma mulher que estava com 14 quilos de pasta base de cocaína. O flagrante aconteceu em junho deste ano. A traficante, que não teve o nome revelado, é uma das maiores fornecedoras deste tipo de entorpecente para pontos de venda de drogas na cidade.

Ainda de acordo com Sartori, ela fornecia por dia 1 quilo de pasta base.

A operação acontece hoje, mas as primeiras prisões já ocorreram ontem em três bairros de Campo Grande: São Conrado, Portal Caiobá e José Abrão.

Na noite desta quinta-feira foram presas cinco pessoas integrantes de uma quadrilha responsável por distribuir drogas. Dois adolescentes foram apreendidos e os policais pegaram R$ 11,4 mil em dinheiro, um carro, três motos e 3,5 quilos de pasta base de cocaína.

A operação teve início na rua das Valquírias no bairro Portal Caiobá. Após receber denúncia anônima, os policiais acompanharam a movimentação de uma casa suspeita de servir como ponto de distribuição de entorpecentes. Os policiais flagraram uma porção de droga sendo entregue a uma pessoa em uma motocicleta, e operação foi dividida: parte dos policiais ficaram para realizar a batida na residência e outra seguiu o motociclista.

Luana Moreira Messias, 22 anos, foi presa dentro da residência. A motociclista, Maria Joana Pereira, 26 anos, foi flagrada entregando a droga na rua Carimé, no bairro São Francisco. Ela foi presa, junto com Wilma Calixto da Silva de Albuquerque, 40 anos, ambas com passagem na polícia por tráfico de droga.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions