A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

02/08/2011 17:51

Polícia investiga desvio de combustível em caminhões que forneciam para a Agesul

Paula Maciulevicius e Ana Paula Carvalho

Cinco caminhões foram apreendidos e duas pessoas detidas

Um dos caminhões apreendidos serão periciados para confirmar envolvimento no desvio. (Foto: João Garrigó)Um dos caminhões apreendidos serão periciados para confirmar envolvimento no desvio. (Foto: João Garrigó)

A Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos) está investigando desvio de combustível feito em caminhões que faziam o transporte para a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). Duas pessoas foram presas em Dourados, o motorista do caminhão e um funcionário, no momento em que estavam descarregando o combustível.

Até o momento cinco pessoas estão na delegacia para ser ouvidas e cinco caminhões apreendidos devem passar por perícia.

A ação da Polícia também ocorreu em Dourados. Um caminhão Volkswagem, cor branca, teria saído da distribuidora da Petrobras na Capital e logo depois, abastecido, parou em um endereço. No local, o lacre foi rompido para descarregamento de uma certa quantidade de combustível, seguindo depois para Dourados.

Em Dourados, um funcionário da Agesul recebia o combustível sem conferir o lacre. O motorista e o servidor foram detidos e encaminhados para a Capital para prestar esclarecimentos.

Na delegacia, cinco pessoas aguardavam para ser ouvidas. Elas não quiseram dar detalhes e o advogado de uma delas, Raimundo Rodrigues Nunes, disse ao Campo Grande News, sem citar nomes, que seu cliente nega participação em qualquer ato irregular.

O delegado da Derf, Roberval Cardoso Rodrigues, afirmou que apenas caminhões foram apreendidos pelo que é chamado de “gato” de combustível. (Matéria editada 18h05 para acréscimo de informações).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions