A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

14/11/2011 13:10

Prefeito defende comércio de bebidas, mas é contra algazarra nas ruas

Wendell Reis
Prefeito é a favor do projeto que será votado na Câmara Municipal(Foto: Simão Nogueira)Prefeito é a favor do projeto que será votado na Câmara Municipal(Foto: Simão Nogueira)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), informou na manhã desta segunda-feira (14), durante visita às obras do Imbirussu-Serradinho, que é favorável ao projeto da Câmara Municipal de Campo Grande, que pretende proibir o consumo de bebidas alcoólicas nas ruas da Capital.

“Proibir o comércio não é possível. Agora, proibir a aglomeração, baderna e algazarra, isso ai pode... se for junto com a polícia”. Questionado se a prefeitura conseguirá fiscalizar, Trad diz que vai tentar e ressalta que não proibirá a iniciativa privada de vender a bebida.

Inicialmente os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande proibiriam o consumo de bebidas alcoólicas em Postos de Combustíveis, mas decidiram estender o veto a vias e praças públicas de Campo Grande. O projeto proíbe a aglomeração de pessoas consumindo bebidas alcoólicas ou entorpecentes. Neste caso, três pessoas consumindo bebida e fazendo algazarra já será considerada aglomeração e importunação. Com isso, as pessoas que costumam ir para as ruas para tomar cerveja deverão abandonar o hábito.

A proibição foi colocada em pauta depois que os vereadores receberam telefonemas e manifestações pessoais, com cobranças de medidas urgentes da população. Os moradores alegam que os jovens transferiram a bagunça da avenida Afonso Pena para outros locais, com som auto e consumo de bebida alcoólica.

A Câmara realizará uma audiência pública na próxima sexta-feira (18), às 9 horas , para debater a proibição do consumo de bebidas em vias públicas. Durante o evento serão ouvidas dezenas de representantes da sociedade organizada.



realmente campo grande anda para tras
certas medidas so volta o desenvolvimento da cidade no tempo
hoje a liberdade o direito de ir e vir e depois o q sera
 
marcio s dos santos em 16/11/2011 05:30:19
Deveriam limitar ou proibir cachaça também nos shows. Iria melhorar muito as brigas e os palhaços que falam merda p/ as meninas e incomodam a tranquilidade dos que vão para curtir o show.
 
juan charlymoon em 15/11/2011 09:58:04
Concordo plenamente com o posicionamento do Sr. Prefeito, estamos em um país democrático não podemos voltar ao tempom das cavernas, todos nós temos livre arbitrío, o que tem que ser fiscalizado é o exagero, existe sim baderneiros como tambem existe muitos intolerante e ranzizas.Já fui jovem nunca participei de badernas mas vejo pelo principio da legalidade, vender bebidas alcoolica não é ilicito.
 
porfirio vilela em 14/11/2011 08:18:37
Tem conveniência 24 hs em área nobre fazendo o trabalho de CONCIENTIZAÇÃO quanto a essa questão da algazarra, e está funcionando muito bem, eles dirigem-se as pessoas s/ camisa, c/ som alto... enfim, c/atitude não apropriada, pedem para colaborarem.. caso contrário, FECHAM a loja... Assim, os arruaceiros acabam tendo que ir embora e ainda desagradam aqueles clientes que pagam o pato por causa dele
 
Belkiz D. Freire em 14/11/2011 05:56:09
Com as Leis já existentes a Prefeitura e a Polícia deviam fazer fiscalizações, mas além disso, notificar as pessoas e os comerciantes reincidentes. Exemplo disso é uma conveniência no Bairro Ouro Verde, na Rua Lúcia Martins Coelho... lá na baixada, é uma bebedeira e música alta... sempre, isso quando não tem carros no meio da rua, literalmente atrapalhando o transito de quem quer ir e vir Vergonha
 
Ana Lúcia em 14/11/2011 02:29:20
Prefeito, isso é igual contar piada e proibir a risada. Onde já se viu roda de cerveja sem algazarra?
 
valter antunes em 14/11/2011 01:32:15
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions