A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

06/02/2018 09:30

Presas combatem estresse e ociosidade com aulas de yoga em Campo Grande

Projeto “Semente do Amor” será realizado até dezembro e já conta com a participação de 40 detentas

Danielle Valentim
Aulas duram 30 minutos e buscam desenvolver a respiração, meditação, alongamento, concentração e diferentes posturas. (Foto: Divulgação/Agepen)Aulas duram 30 minutos e buscam desenvolver a respiração, meditação, alongamento, concentração e diferentes posturas. (Foto: Divulgação/Agepen)

Internas do Estabelecimento Penal Feminino “Irmã Irma Zorzi” de Campo Grande estão praticando yoga uma vez por semana. Iniciado há duas semanas, o projeto “Semente do Amor” será realizado até dezembro e já conta com a participação de 40 detentas, divididas em duas turmas.

Além de harmonia entre o corpo, mente e respiração, as técnicas proporcionam um ambiente mais tranquilo. O projeto foi garantido após parceria entre a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), a Escola Clássica Cristina Lopes e a 50ª Promotoria de Justiça.

As aulas duram 30 minutos e buscam desenvolver a respiração, meditação, alongamento, concentração e diferentes posturas para trabalhar a flexibilidade, força e equilíbrio das internas.

Há 17 anos atuando como professor de yoga, o educador físico e pós-graduado em Meditação, Marco Antônio Gerevini, defende que a iniciativa traz inúmeros benefícios desde o físico até o mental. “Muitas internas reclamam de dor no corpo por ficar muito tempo dentro da cela, então o yoga melhora a postura, alivia a dor, além de ser um momento de sociabilização e de verem que a vida pode ter um novo rumo”, afirmou o professor e idealizador do projeto.

Para o desenvolvimento do projeto, a 50ª Promotoria de Justiça, representada pela promotora Renata Ruth Goya, realizou a doação dos colchonetes e intermediou o contato com o professor para atender ao sistema prisional. No presídio, os trabalhos estão sendo coordenados pela agente penitenciária Janaína Ajala. As ações de reinserção social dentro das unidades penais do estado são coordenadas pela Diretoria de Assistência Penitenciária (DAP) da Agepen.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions